iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

19/10 - 13:53

Murray vence Simon e leva segundo título de Masters da carreira

Este foi o quarto título do escocês na temporada, sendo o segundo de Masters Series, já que ele venceu também em Cincinnati

Gazeta Esportiva

MADRI (Espanha) - Em uma final de surpresas, Andy Murray levou a melhor sobre o francês Gilles Simon, vencendo o Masters Series de Madri. Neste domingo, após eliminar Roger Federer nas semifinais, o escocês derrotou o adversário por 2 sets a 0, com parciais de 6/4 e 7/6 (8-6), e levantou pela segunda vez um troféu de Masters Series.

Na semifinal, Murray se vingou da derrota para Federer no Aberto dos Estados Unidos, vencendo o suíço por 2 sets a 1 (3/6, 6/3 e 7/5). Agora, na final, ele deu prosseguimento à excelente temporada que vem fazendo, com a conquista de seu quarto título do ano, sendo o segundo em Masters Series, já que ergueu o troféu em Cincinnati.

Por sua vez, Simon chegou à decisão de seu primeiro Masters da carreira embalado pela vitória sobre o número um do mundo, o espanhol Rafael Nadal. Nesse sábado, o francês ganhou moral depois de virar sobre o ibérico em partida emocionante, vencendo por 3/6, 7/5 e 7/6 (8-6). Entretanto, na final, o atual número 16 do ranking não conseguiu segurar o potente Murray, quarto melhor do mundo, e perdeu a chance de conquistar seu quarto título da temporada.

Com quatro aces, Murray não teve muita dificuldade para se impor no primeiro set e vencer com facilidade em 6/4. Embora tenha aproveitado somente uma das três chances de quebra que teve na parcial, o escocês compensou nas bolas de primeiro serviço, confirmando 76% dos pontos. Por sua vez, Gilles, algoz de Rafael Nadal na semi, não teve nenhuma chance para quebrar o serviço do cabeça-de-chave quatro, sendo obrigado somente a se defender.

Já na segunda parcial, o francês esteve mais agressivo, deixando o jogo equilibrado, mas Murray não diminuiu o ritmo e continuou forçando o saque – fez sete aces -, o que lhe rendeu 89% dos pontos quando colocou o primeiro serviço em quadra. Assim, o sete teve de ser decidido no tie-break, momento em que Murray não decepcionou e conseguiu controlar o francês, fazendo 8-6 no desempate.

Com este título em uma temporada de franca ascensão, Murray abriu uma vantagem de 2 vitórias a 1 contra Simon, já que os dois estavam empatados na série de encontros pelo circuito profissional. Neste ano, eles se enfrentaram no Masters de Hamburgo, quando Murray levou a melhor.


Leia mais sobre: Andy Murray Gilles Simon



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AFP

Em boa fase
Nesta temporada o tenista já venceu dois Masters Series e chegou na final do Aberto dos EUA

Topo