iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

18/10 - 15:00

No olho eletrônico, Simon elimina Nadal em Madri
Com decepções espanholas, os dois melhores tenistas do mundo estão fora da decisão

Gazeta Esportiva

MADRI (Espanha) - O Masters Series de Madri tinha a chance de ver mais uma reedição do duelo entre os dois melhores tenistas do mundo na briga pelo título, mas um sábado de surpresas alterou os prognósticos iniciais. Após a vitória do escocês Andy Murray sobre o suíço Roger Federer na preliminar, na outra semifinal foi o francês Gilles Simon quem surpreendeu o espanhol número 1 do mundo Rafael Nadal em uma partida emocionante, decidida apenas no olho eletrônico.

Com a torcida espanhola a seu favor, Nadal não teve muitos problemas para sair na frente do placar contra Simon. O primeiro do ranking de entradas da ATP, contudo, viu o francês crescer de produção no decorrer da partida e sair de quadra com uma vitória por 2 sets a 1, com as parciais de 3/6, 7/5 e 7/6 (8-6), em 3h22.

Simon teve a chance de eliminar Nadal com menos sofrimento e evitar o tie-break no último set. O 16º do ranking de entradas da ATP derrubou o serviço do adversário no 11º game da terceira etapa da partida e, em seguida, sacou para fechar o jogo em 7/5. Mas o melhor do mundo se recuperou a tempo, devolveu a quebra e forçou o game extra.

No tie-break, contudo, Simon voltou a mostrar força e chegou ao primeiro match point com 6-5. Nadal não se intimidou e, agressivo, evitou o revés empatando a disputa por 6-6. O gaulês chegou ao segundo ponto do confronto mais tarde, com 7-6, e após uma troca de bolas sem energia dos dois lados, o espanhol forçou uma paralela no fundo da quadra. Bola boa, de acordo com o árbitro de cadeira.

Mas Simon pediu o desafio do hawk-eye. O recurso eletrônico mostrou que a bola quicou milímetros após a linha, fora da quadra, e o francês comemorou a sua primeira vitória na carreira sobre Nadal, em três partidas já realizadas entre os dois tenistas.

Classificado para sua primeira final de Masters Series na carreira, o francês de 23 anos disputará o título no domingo contra o escocês Andy Murray, cabeça-de-chave número 4, que também neste sábado passou por Federer por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/3 e 7/5.

Simon – que em 2008 sagrou-se campeão dos torneios de Casablanca, Indianápolis e Bucareste – disputou duas partidas contra Murray na carreira, e cada tenista conquistou uma vitória. O francês triunfou no Masters de Roma do ano passado, e nesta temporada o britânico deu o troco no Masters de Hamburgo.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AFP

Francês surpreende
Mesmo jogando em casa, Nadal não conseguiu superar Simon e foi derrotado por 2 sets a 1

Topo