iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

07/10 - 12:55

Favorito, Nalbandian atropela Reynolds na estréia

Argentino é o principal favorito do Torneio de Estocolmo, disputado na Suécia

Gazeta Esportiva

ESTOCOLMO (Suécia) - Embora esteja longe de viver a melhor fase de sua carreira no circuito profissional de tênis, David Nalbandian confirmou com perfeição o favoritismo pelo menos na primeira rodada do Torneio de Estocolmo. Cabeça-de-chave número um do evento, o argentino só cedeu dois games diante do norte-americano Bobby Reynolds, atropelado com um duplo 6/1.

Provando que costuma ter grande rendimento em quadras rápidas cobertas, Nalbandian entra bastante pressionado na parte final da temporada, visto que no ano passado venceu tanto o Masters Series de Madri quanto o de Paris, eventos fortes do calendário que começam na próxima semana – primeiro com o da Espanha.

Nesse contexto, o argentino utiliza o ATP de Estocolmo como preparação para a defesa de 1.000 pontos no ranking de entradas e também para a final da Copa Davis, a ser disputada na América do Sul em carpete coberto entre 21 e 23 de novembro.

Agora que começou muito bem a dura tarefa, o número sete do mundo tenha chegar às quartas-de-final de um torneio pela primeira vez desde abril, quando parou na penúltima fase no saibro do Masters de Monte Carlo. Contudo, ele ainda não tem o seu próximo adversário definido: pode ser o alemão Matthias Bachinger ou o sueco Joachim Johansson, que retorna ao circuito com um wild card após um ano afastado das quadras.

Ancic e Schuettler também avançam: Além de Nalbandian, mais dois favoritos que entraram em quadra nesta terça-feira em Estocolmo, Mario Ancic e Rainer Schuettler, também chegaram à segunda fase no Torneio de Estocolmo.

Segundo pré-classificado, Ancic só teve dificuldades no primeiro set diante do belga Olivier Rochus, que permaneceu em quadra por 1h26 até cair com parciais de 7/6 (7-5) e 6/2. Classificado o croata pode encontrar o irmão de Olivier, Christopphe Rochus, que estréia no evento diante do também belga Steve Darcis.

Já Schuettler, quinto maior favorito a levantar a taça na Suécia, teve pouquíssimas dificuldades para aplicar sets diretos de 6/0 e 6/3 sobre o australiano Chris Guccione, que só resistiu a parcos 54 minutos de partida. Classificado, o alemão tenta avançar às quartas contra o equatoriano Nicolás Lapentti, que bateu na segunda-feira o espanhol Ivan Navarro.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo