iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

03/10 - 10:32

Capitão espanhol diz que equipe precisa 'esfriar' torcida rival

Ainda há uma indefinição sobre o local do confronto final entre Argentina e Espanha: Córdoba ou Mar Del Plata

Gazeta Esportiva

MADRI (Espanha) - O capitão da equipe da Espanha na Copa Davis, Emilio Sánchez Vicario, acredita que será crucial para seu país ‘esfriar os ânimos do público argentino’ para que vençam a final da competição, que será realizada na cidade de Córdoba entre 21 e 23 de novembro.

“Os torcedores argentinos sabem sobre tênis e, por isso, a única forma de silenciarmos é esfriando-os, sendo superior dentro de quadra”, falou Vicario, minimizando a dimensão o duelo entre espanhóis e argentinos. “A disputa não é uma guerra mundial, mas, sim, um encontro de tênis”, completou.

Quanto à indefinição a respeito da cidade que abrigará a final da Davis, Vicário espera que seja decidida rapidamente. “Estamos esperando para ver como se define tudo para preparamos a logística de acordo com as dificuldades de nível que estarão os espanhóis, já que é provável que alguns deles estjam vindo do Masters de Xangai”, explicou o capitão, referindo-se a Rafael Nadal e David Ferrer.

Ainda há uma indefinição sobre o local do confronto entre Córdoba e Mar Del Plata, questão que Vicario espera que se resolva rapidamente: 'Esperamos conhecer o cenário o quanto antes para preparar toda a estrutura prévia de jogo já que seguramente Nadal e Ferrer estarão chegando da disputa da Masters em Shanghai.

A Federação Internacional de Tênis fará uma nova inspeção nos complexos esportivos das cidades de Córdoba e de Mar del Plata, locais que os argentinos escolheram para sediar a Davis.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias