iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

21/09 - 12:58

Em duelo de desconhecidos, Peya rebaixa Grã-Bretanha
Alexander Peya bateu o anfitrião Alex Bogdanovic e tirou a pátria de origem do tênis da elite em 2009

 

Gazeta Esportiva

LONDRES (Inglaterra) - Dois tenistas desconhecidos do grande público foram os responsáveis pela definição do confronto entre Áustria e Grã-Bretanha pela repescagem do Grupo Mundial da Copa Davis na grama sagrada do All England Club, em Wimbledon. O escocês Andy Murray conseguiu forçar a quinta partida para o time da casa ao vencer Jurgen Melzer, mas na seqüência o visitante Alexander Peya bateu o anfitrião Alex Bogdanovic e tirou a pátria de origem do tênis da elite em 2009.

O domingo amanheceu com a vantagem austríaca por 2 a 1 após a vitória de duplas no sábado de Julian Knowle e Jurgen Melzer sobre Jamie Murray e Ross Hutchins. Quarto melhor tenista do mundo, Andy Murray entrou em quadra na primeira partida do dia para arrasar Melzer no jogo quatro da série por 3 sets a 0, com parciais de 6/4, 6/1 e 6/3.

Vice-campeão do Aberto dos Estados Unidos e tenista britânico mais bem sucedido dos últimos anos, o escocês empatou a repescagem em 2 a 2 e forçou a realização da quinta partida entre Bogdanovic, 162º do mundo, e Peya, 164º.

Mesmo mais bem ranqueado do que o austríaco e com a torcida a seu favor, Bogdanovic sentiu a pressão de representar a nação britânica. Após vencer o primeiro set, o tenista da casa acabou sofrendo a virada e a derrota por 3 sets a 1, parciais de 2/6, 6/4, 6/4 e 6/2. Os austríacos fecharam a série melhor-de-cinco em 3 a 2.

Derrotada pela Argentina na primeira rodada do Grupo Mundial de 2008 e pela Áustria na repescagem, a Grã-Bretanha terá que disputar o Zonal Europeu/Africano na próxima temporada. Já os austríacos permanecem mais um ano na elite.


Leia mais sobre:



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar