iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

12/09 - 10:55

Sem provas, ATP encerra investigação sobre Davydenko

Nada foi encontrado para provar que Davydenko ou o argentino Martin Vassallo-Arguello tenham armado  resultado de partida

Agência Estado

PARIS (França) - O russo Nikolay Davydenko foi absolvido das acusações de apostas ilegais em partidas de tênis. Nesta sexta-feira, a Associação de Tenistas Profissionais (ATP) afirmou que decidiu encerrar o caso após um ano de investigações, por falta de provas.

A entidade disse que não encontrou nenhuma evidência de Davydenko ou o argentino Martin Vassallo-Arguello tenham armado o resultado de uma partida no torneio de Sopot, na Polônia, em 2007.

Davydenko, então número 5 do ranking mundial, desistiu da partida no terceiro set, alegando contusão, o que deu a vitória ao rival, 87º na época. O número excessivo de apostas no argentino em bolsas de apostas deu margem a suspeitas sobre a legitimidade do resultado.

A ATP tem aumentado o cerco sobre a questão. Na série de casos mais famosa, a entidade suspendeu e multou os italianos Potito Starace, Daniele Bracciali, Giorgio Galimberti e Alessio di Mauro por envolvimentos em apostas. O tcheco Frantisek Cermak e o eslovaco Michal Mertinak, especialistas em duplas, também receberam sanções da entidade.


Leia mais sobre: Nikolay Davydenko Associação de Tenistas Profissionais



Alerta de Gols Receba notícias pelo seu celular

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
[x] fechar