iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

07/09 - 19:10

Andy Murray bate Nadal e enfrenta Federer na final

Com a vitória por 3 sets a 1 pelo Aberto dos EUA, Murray chega à sua primeira final de Grand Slam

Gazeta Esportiva



NOVA YORK - Nem mesmo o furacão Hanna impediu que Andy Murray avançasse à final do Aberto dos Estados Unidos. Após ser adiada devido à tempestade tropical que chegou a Nova York, a semifinal do último Grand Slam da temporada foi finalizada neste domingo. O escocês manteve o bom ritmo do dia anterior e venceu por 3 sets a 1, parciais de 6/2, 7/6 (7-5), 6/4 e 6/4.

Com a vitória, Murray diminui para 5 a 1 a desvantagem de vitórias nos embates contra Nadal, além de chegar à sua primeira final de torneios Grand Slam na carreira. Em uma crescente nesta temporada, o escocês já havia conquistado seu primeiro torneio Master Series, em Cincinnati.

A vitória sobre o número um do mundo rendeu a Murray, número seis da ATP, o encontro com o suíço Roger Federer na final do US Open. O segundo melhor tenista do mundo voltou a apresentar seu melhor tênis e passou pelo sérvio Novak Djokovic na semifinal, com o placar de 3 sets a 1 (6/3, 5/7, 7/5 e 6/2).

Este será o quarto encontro entre Federer e o escocês, que buscará vencer sua terceira partida contra o suíço. Neste ano, Murray aproveitou a má fase do suíço e o derrotou precipitadamente no Torneio de Dubai por 2 sets a 1, parcias de 6/7 (8-6), 6/3 e 6/4.

A semifinal 
Antes que a chuva chegasse nesse sábado, Murray surpreendeu Nadal com incríveis 17 aces, contra apenas quatro do espanhol, que não esta se encontrando em quadra e ofereceu nove quebras de saque ao escocês, que aproveitou duas. Neste ritmo, Murray abriu uma vantagem de 2 sets a 0, com parciais de 6/2 e 7/6 (7-5).

No momento em que Nadal tinha uma quebra de vantagem no terceiro set, a chuva chegou à quadra nova-iorquina impedindo que o espanhol desse prosseguimento à recuperação, que terminou em 3 games a 2.

Descansados, os dois voltaram à quadra no domingo e o número um do mundo mostrou que estava decidido a modificar a história. Ele se impôs com fortes saques e logo fez 4 a 2. A vantagem foi mantida até o espanhol fechar o set em 6 a 4, após Murray não ter aproveitado uma chance de quebra e deixar o jogo ir para o quarto set.

Já na quarta parcial, o escocês abriu 1 a 0 e desperdiçou sete break-points, permitindo que o espanhol empatasse e ganhasse moral para o restante da partida. Embalada pela suada vitória, Nadal quebrou o serviço de Murray e abriu 3 games a 1, após quebrar o serviço do adversário e se recuperar de 0 a 30 em seguida. Entretanto, Murray confirmou seu saque e aproveitou os erros que Nadal cometeu empatando em 3 a 3.

Assim, o escocês só precisava confirmar o serviço no game seguinte para assumir a liderança. Trabalho cumprido e 4 a 3 para o número seis do mundo. Precisando vencer para manter acesas as esperanças de ir à final, Nadal salvou um break de Murray e empatou em quatro games. Em seguida, o tenista da Escócia confirmou novamente e ficou a apenas um game da vitória (5 a 4). Assim, Murray confirmou sua passagem à final com 6 a 4 no último set.


Leia mais sobre: Andy Murray Rafael Nadal Aberto dos EUA

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AFP

andy murray

Deu zebra
Murray bateu o favorito Nadal, nº 1 do mundo, por 3 sets a 1 e avançou à final para enfrentar Federer

Topo
Contador de notícias