iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

28/08 - 13:58

Safina oscila, mas bate italiana no Aberto dos EUA

A vitória de Safina sobre a italiana poderia ter sido construída com muito mais facilidade e antes das 1h19 que a partida levou

Gazeta Esportiva


NOVA YORK (EUA) - A russa Dinara Safina mostrou sua instabilidade característica mais uma vez, mas ainda assim conseguiu superar sua adversária e avançar à terceira rodada do Aberto dos Estados Unidos. Cabeça-de-chave número seis, a moscovita despachou nesta quinta-feira a italiana Roberta Vinci por 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/3, e seguiu caminho no último Grand Slam da temporada.

A vitória de Safina sobre a italiana, que figura apenas na posição 164 do ranking de entradas da WTA, poderia ter sido construída com muito mais facilidade e antes das 1h19 que a partida levou. Tanto no primeiro como no segundo set a russa sétima do mundo tinha uma vantagem considerável sobre Vinci, mas acabou perdendo o saque no momento decisivo e por pouco não se complicou.

Na primeira etapa, a irmã caçula do russo Marat Safin tinha 4/1 com uma quebra de vantagem e, em seguida, a chance de sacar para abrir 5/2. Mas acabou sofrendo uma quebra para a italiana, que descontou o placar para 4/3 e empatou logo em seguida. A russa, contudo, se recuperou a tempo de evitar a disputa do game extra, derrubou o serviço da rival no décimo game e fechou a parcial em 6/4.

O filme se repetiu no segundo set da partida, com novamente Safina tendo uma quebra de vantagem com 4/1 e perdendo o saque no sétimo game, vendo a italiana encostar com 4/3. Desta vez, no entanto, a medalhista de prata das Olimpíadas de Pequim se recuperou a tempo de devolver a quebra no oitavo game, abrir 5/3 e servir para a vitória. Antes, ainda precisou salvar dois break points antes de garantir a vaga para a terceira rodada.

Foi o segundo encontro entre as duas tenistas, e Safina manteve sua invencibilidade diante de Roberta Vinci. O único duelo entre as duas até então havia acontecido há três anos, nas quartas-de-final do Torneio de Luxemburgo, vencido pela representante de Moscou por 2 a 1: 5/7, 6/3 e 6/4.

A irmã de Safin já sabe contra quem disputará a vaga nas oitavas-de-final do US Open. A russa encarará a suíça Timea Bacsinszky, que também nesta quinta despachou a taiwanesa Yung-Jan Chan por sets seguidos, com 6/3 e 6/2.

Além da top 10, outra russa que passou à terceira rodada foi Nadia Petrova, cabeça-de-chave número 19, que teve tranqüilidade para eliminar Su-Wei Hsieh, também de Taiwan, por sets seguidos e parciais de 6/4 e 6/2.

Petrova agora aguarda pela sua próxima adversária na chave do Aberto dos Estados Unidos. A russa pegará a vencedora da partida entre a italiana Flavia Pennetta e a chinesa Shuai Peng, que se enfrentam ainda nesta quinta.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


AP

Prata em Pequim
Safina venceu a italiana Roberta Vinci por 2 sets a 0 e chegou à 3ª rodada nos EUA

Topo