iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

26/08 - 16:11

Sharapova vai a Nova York e realiza sonho de fã

A russa não conseguiu disputar o Aberto dos Estados Unidos em decorrência de uma lesão no ombro direito

Gazeta Esportiva

NOVA YORK - Embora não tenha conseguido disputar o Aberto dos Estados Unidos em decorrência de uma lesão no ombro direito, a russa Maria Sharapova marcou presença em Flushing Meadows na noite desta segunda-feira. E a musa aproveitou para realizar o sonho de uma grande fã: Alicia Lang, de 16 anos, que sofre de fibrose cística – uma doença genética, sem cura, que afeta pulmões e sistema digestivo.

Alicia conseguiu conhecer pessoalmente sua grande ídolo por meio de uma instituição de caridade, a Make-A-Wish Foundation (Fundação Faça Um Pedido), enquanto estava internada em um hospital em Cincinnati. Nesta terça, mesmo a siberiana estando machucada, compareceu para realizar o sonho da jovem adolescente.

Sharapova passou alguns instantes conversando com Alicia, seu irmão Nick e a mãe Mary Kay. Além de posar para fotos, a russa autografou a raquete da fã e um artigo escrito pela menina há três anos. Nick, que também sofre de fibrose cística mas em menores proporções, ganhou um boné assinado.

“Gostei muito dela”, declarou Sharapova. “Além de jogar tênis, escrever e estudar, ainda joga tênis. Isso é muito legal, e ela parece ser muito boa no que faz”, complementou a musa, que também recebeu uma série de elogios por parte da fã.

“Assim que me viu ela se abaixou e me deu um abraço, foi perfeito. E ela é tão legal, e tão alta também”, comentou Alicia, em relação aos 1,90m de Sharapova. “Ela também aflou sobre a minha raquete, falou que era fofa”, emocionou-se.

O encontro entre Maria Sharapova e Alicia Lang, no entanto, por pouco não aconteceu. Quando a tenista anunciou ao mundo sua lesão e a desistência do Aberto dos Estados Unidos, a garota – que a cada quatro semanas passa cerca de dez dias no hospital para receber antibióticos – achou que seu sonho seria frustrado.

“Todos imaginamos que ela não viria para Nova York, mas quando soube da novidade tive um alívio muito grande”, admitiu Alicia. “Foi legal da parte da Sharapova abrir um tempo em sua agenda e gastá-lo conosco”, destacou a mãe Mary Kay.

Antes de se despedir de Alicia, Maria Sharapova ainda escreveu um bilhete pessoalmente à sua fã: “Você é uma inspiração e tanto para mim”, finalizou a musa.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo