iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

25/08 - 18:45

Alemão complica, mas Nadal vence a primeira nos Estados Unidos

Apesar da previsão de uma partida fácil para o espanhol, o alemão Bjorn Phau lutou bastante em quadra

Gazeta Esportiva

NOVA YORK (Estados Unidos) - A estréia de Rafael Nadal não seguiu exatamente os prognósticos de uma partida entre o tenista número um do mundo e um qualifier. Apesar da previsão de uma partida fácil para o espanhol, o alemão Bjorn Phau lutou bastante em quadra e tentou atrapalhar a vida do novo líder do ranking de entradas da ATP, mas viu o Rei do Saibro avançar à segunda rodada com o placar de 3 sets a 0, com as parciais de 7/6 (7-4), 6/3 e 7/6 (7-4)

Uma semana depois de conquistar a primeira medalha olímpica de ouro para o tênis espanhol, Nadal fez a sua aparição como líder do ranking em um torneio ATP. Com 2h58 de disputa, o espanhol conseguiu levar a melhor no primeiro confronto da carreira com o experiente alemão de 28 anos, apenas o número 136 do mundo.

Agora, o Rei do Saibro vai em busca da classificação para a terceira rodada do Grand Slam nova-iorquino. Decidirão a vaga para o duelo com o campeão olímpico o belga Olivier Rochus e o qualifier norte-americano Ryler de Heart, ainda nesta segunda-feira.

Principal favorito ao título em Flushing Meadows, Nadal tem como melhor campanha no US Open as quartas-de-final disputadas em 2006, ano em que caiu diante do russo Mikhail Youzhny. Na temporada passada, o espanhol atingiu as oitavas-de-final até perder para o compatriota David Ferrer.

O jogo
Sem pressão para a vitória, Phau começou a partida batendo forte na bola e levando sorte. O alemão sustentou seu serviço durante todo o primeiro set e forçou o tie-break. No game extra, contudo, Nadal impôs sua força e chegou aos sete pontos antes do rival, confirmando o 7/6 com 7-4 em uma longa jornada: 1h09.

A primeira quebra de saque na quadra central Arthur Ashe só foi acontecer no sexto game do segundo set, quando Nadal enfim derrubou o serviço do rival e abriu 4/2. Dali para frente, Nadal precisou apenas manter a vantagem para, em 46 minutos, abrir 2 sets a 0 com um 6/3.

Mas o placar não desanimou Phau, que continuou complicando o jogo para Nadal no terceiro set. O germânico inclusive teve a chance de abrir vantagem na parcial no sexto game, quando teve um break point para chegar ao 4/2, mas não tirou proveito da oportunidade e o número um do mundo empatou em 3/3.

No nono game, Nadal teve a grande chance de antecipar a vitória ao abrir 0-40 no saque de Phau. O alemão, contudo, salvou dois dos pontos de quebra com incríveis bolas na linha e o terceiro com um erro do espanhol. O germânico ainda chegou à vantagem no game, mas acabou perdendo o saque e permitiu que Nadal abrisse 5/4.

Mas o melhor tenista do mundo jogou fora a oportunidade de sacar para fechar a partida. Além de deixar que o adversário chegasse ao 30-40, ainda cometeu uma dupla-falta para ceder o empate por 5/5 e a disputa de mais dois games.

O lapso de Nadal prosseguiu no 11º game, quando perdeu mais três break points e a chance de encostar na vitória mais uma vez. De tanto errar, o espanhol viu o alemão retomar a frente na parcial com 6/5 e, para evitar um quarto set, confirmou seu saque, empatou a disputa em 6/6 e forçou mais um tie-break.

Mesmo depois de cometer muitos erros, o espanhol número um do mundo se acertou no tie-break e pôs fim à longa partida com 7-4 na disputa, repetindo a parcial do primeiro set.

Leia também:

  • Ferrer e Monfils estréiam com vitória no US Open
  • Davenport despacha Wozniak e encara russa

  • Leia mais sobre:

    > Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


    Reuters

    Músculos à prova
    Nadal precisou de muito esforço para bater rival alemão por 3 a 0 na estréia em Nova York

    Topo