iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

30/07 - 16:33

Aos 15 anos, Michelle de Brito bate Pennetta e faz história

A lisboeta conseguiu a maior vitória de sua curta carreira ao eliminar a embalada italiana Flavia Pennetta

Gazeta Esportiva

MONTREAL (Canadá) - A jovem portuguesa Michelle Larcher de Brito segue colocando cada vez mais seu nome em destaque no circuito feminino da WTA.

Desta vez, a lisboeta de apenas 15 anos conseguiu a maior vitória de sua curta carreira ao eliminar a embalada italiana Flavia Pennetta, número 18 do mundo, e marcar presença nas oitavas-de-final do Torneio de Montreal graças ao triunfo por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 0/6 e 6/3.

Sétima tenista mais jovem da história a ganhar uma partida profissional, Michelle de Brito oscilou bastante diante da top 20 italiana, que na última semana havia chegado à decisão do Torneio de Los Angeles (perdeu a final para a russa Dinara Safina). Mesmo assim, a portuguesa jogou como gente grande e sacramentou o triunfo em 1h32 de cravou seu nome entre as 16 melhores no Canadá.

Embora tenha ganhado notoriedade no ano passado, quando possuía apenas 14 anos e bateu a norte-americana Meghann Shaughnessy no Torneio de Miami, foi nesta quarta-feira que Michelle de Brito cravou seu nome no lugar de maior destaque do fraco tênis português. Apesar de ter apenas 15 anos e sei meses, a adolescente já é considerada a melhor lusitana da história no circuito feminino.

Isso porque, com a vitória desta quarta, ela receberá pelo menos 75 pontos (15 por ter furado o qualifying e mais 60 pela campanha na chave principal). Essa quantia, somada aos 178 pontos que já ostentava, fará com que Michelle de Brito deixe a posição 169 do ranking de entradas e suba pelo menos 30 postos na próxima atualização do ranking da WTA. Desta forma, ela ultrapassará Francisca Piedade, que em 2006 atingiu a melhor colocação de uma portuguesa na lista das melhores, com a aparição no 142º posto.

Depois de fazer história, Michelle de Brito se prepara para encarar nas oitavas-de-final ninguém menos do que a atual quarta melhor tenista do mundo: a russa Svetlana Kuznetsova, que na terça-feira havia eliminado a compatriota Alla Kudryavtseva por 6/1, 1/0 e abandono.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo