iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

13/07 - 10:05

Oitavo favorito, Daniel tenta espantar má fase contra Berlocq

Daniel estréia no saibro europeu diante do argentino Carlos Berlocq, número 116 do mundo

Gazeta Esportiva

UMAG (Croácia) - Marcos Daniel vê o Torneio de Umag como a grande chance para encerrar a má fase. Depois de ser eliminado na estréia nos últimos três eventos que disputou, o brasileiro foi confirmado como o cabeça-de-chave número oito na Croácia e tem tudo para realizar uma boa campanha.

Daniel estréia no saibro europeu diante do argentino Carlos Berlocq, número 116 do mundo. Embora tenha um posicionamento no ranking de entradas inferior ao do gaúcho (que é o 78º colocado), o azarão pode ser considerado um adversário perigoso, uma vez que bateu o tenista de Passo Fundo em três das seis oportunidades que o encontrou. Por outro lado, o número dois nacional leva a vantagem no retrospecto recente: venceu os dois últimos encontros, ambos realizados no piso lento de Bogotá.

Ainda que Berlocq não possa ser considerado um rival tranqüilo, Daniel desta vez não pode reclamar da sorte. Se nos últimos três torneios disputados, em Nottingham, Wimbledon e Gstaad, o top 100 enfrentou favoritos (Fernando Verdasco, Stanislas Wawrinka e Igor Andreev, respectivamente) e caiu logo na primeira rodada, agora é ele quem entrará na quadra com boas chances de vitória.

Caso confirme o prognóstico e avance à segunda rodada de Umag, o oitavo pré-classificado terá pela frente o convidado croata Luka Belic, apenas o 741º colocado do ranking, ou o alemão Mischa Zverev, o 81º. Na hipótese de o brasileiros seguir vivo até as quartas-de-final, aí sim maiores dificuldades apareciam, já que ele se encontra na mesma chave de Verdasco.

Além do espanhol, que é o principal favorito ao título da competição, o Torneio de Umag, que distribui 326 mil euros em prêmios (R$ 834 mil), ainda tem como forte candidato Carlos Moyá, que triunfou na Croácia nada menos que cinco vezes, inclusive no ano passado.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo