iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

11/07 - 13:22

Ferrer encerra sonho de Soderling; Berdych pega Verdasco na semi
Cabeça-de-chave número um da competição, o espanhol bateu o representante da casa por 2 sets a 1

Gazeta Esportiva

BASTAD (Suécia) - As duas últimas esperanças de título para a Suécia no Torneio de Bastad já estão eliminadas. Para desespero da torcida local, Robin Soderling e Bjorn Rehnquist tiveram suas campanhas encerradas nas quartas-de-final, em que enfrentaram, respectivamente, os favoritos David Ferrer e Fernando Verdasco.

Atualmente o sueco mais bem colocado no ranking de entradas, (46ª posição), Soderling não deu sorte na confecção da chave, tendo Ferrer pela frente logo na terceira rodada. Cabeça-de-chave número um da competição, o espanhol não decepcionou nesta sexta-feira e bateu o representante da casa por 2 sets a 1, com parciais de 7/5, 6/7 (3-7) e 6/1.

Além de ter servido para lhe garantir vaga nas semifinais na Suécia, a vitória ainda deu a Ferrer a chance de diminuir sua desvantagem no confronto direto com Soderling. Até a partida disputada nesta sexta, o retrospecto apontava quatro triunfos do azarão diante do top dez, que havia sido derrotado exatamente no saibro de Bastad, há dois anos.

Buscando alcançar sua quarta decisão de título somente nesta temporada, o número quatro do mundo ainda não sabe quem enfrentará: seu próximo adversário sai do embate entre o também espanhol Tommy Robredo e o finlandês Jarkko Nieminen.

A outra esperança sueca de levantar a taça, esta bem mais modesta que Soderling, atendia pelo nome de Bjorn Rehnquist e também deu adeus ao sonho nesta sexta-feira. Apenas o 226º colocado na ATP, o tenista local ainda conseguiu tirar um set do espanhol Fernando Verdasco, mas isso não foi suficiente para evitar uma derrota por 2/6, 6/1 e 6/0.

Cabeça-de-chave número dois da competição, Verdasco tenta se manter em alta em 2008 diante de Tomas Berdych. O tcheco, que não vinha vivendo grande fase, atingiu apenas a sua segunda semifinal em toda a temporada depois da tranqüila vitória sobre o italiano Potito Starace, consumada com parciais de 6/3 e 6/2.

Ex-top dez e atualmente no 23º posto no ranking, Berdych não chega à decisão de um evento da ATP desde junho do ano passado, quando faturou o título na grama de Halle. Na busca por quebrar o tabu, ele enfrentará Verdasco pela sexta vez na carreira, ostentando até aqui a pequena vantagem de ter levado a melhor em três oportunidades, inclusive uma no saibro do Masters Series de Hamburgo, em 2007.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo