iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

08/07 - 13:00

Nadal abre o jogo: 'Ser número um já é um objetivo'

Depois provar que hoje é um tenista mais completo, o espanhol acredita que pode superar Federer no ranking

Gazeta Esportiva

MANACOR (Espanha) - Se antes desconversava e dizia que seria superado até por Novak Djokovic no ranking de entradas, agora Rafael Nadal resolveu abrir o jogo. De volta para casa, em Manacor, após fazer história com a conquista inédita de Wimbledon, o espanhol não economizou nas palavras e cravou: o objetivo de se tornar o número um do mundo, deixando o suíço Roger Federer para trás, já é palpável.

Apesar de pregar respeito por Federer, a quem considera o “melhor jogador da história”, Nadal não esconde que o sonho de ultrapassar o suíço na lista pode se tornar realidade: atualmente, o espanhol ocupa o segundo posto a 545 pontos do rival, mas a diferença subirá para 770 na semana que vem, uma vez que problemas no joelho impediram o Rei do saibro de defender o título do Torneio de Stuttgart.

Na tentativa de quebrar um reinado do tenista da Basiléia na ATP que já dura desde 2004, Nadal sabe, porém, que precisa seguir jogando “no mesmo nível de hoje e trabalhando com a mesma humildade e vontade de sempre”, conforme afirmou em entrevista coletiva em sua cidade natal.

Consultado sobre a possibilidade de superar Federer, o representante da ilha de Maiorca afirmou que tem “boas chances”, visto que não conquistou troféus no segundo semestre de 2007 e, portanto, tem poucos pontos a defender. “Ser número um já é um pequeno objetivo”, declarou o segundo colocado do ranking, que agora coleciona cinco títulos de Grand Slams na carreira.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo