iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

05/07 - 15:16

Nadal diz que perder para Federer na final de Wimbledon seria "lógico"
O tenista espanhol Rafael Nadal, que neste domingo enfrenta o suíço Roger Federer na final do torneio de Wimbledon, disse que, se der a lógica, perderá mais uma vez para o atual número um do mundo na grama inglesa.

EFE

Falta apenas um dia para a partida entre os dois primeiros do mundo, que decidem o torneio pelo terceiro ano consecutivo - no qual Federer reina absoluto, com cinco títulos. É a sexta final de Grand Slam entre eles - as outras três foram em Roland Garros, em que o espanhol reinou absoluto.

"É uma partida diferente, especial, mas ao mesmo tempo é preciso jogar com a maior tranqüilidade possível para atuar bem", comentou Nadal.

"Tecnicamente, seu jogo se adapta melhor que o meu ao piso. Além disso, Federer tem um saque um pouco mais eficiente que o meu e isto pode ajudá-lo nos momentos importantes. A partir daí, tentarei pressionar, e acho que terei minhas chances de vencer", aposta o espanhol.

Com relação à sua própria evolução, reconheceu que até o momento tinha jogado "muito bem". "Veremos o que acontecerá amanhã. Atuei muito bem no saibro. Estou jogando bem há muito tempo, mas isto tudo não vale de nada para amanhã", apontou.

Além disso, para Nadal, "Federer já superou a má fase do início do ano e está há dois meses pegando ritmo. Acho que ele será agressivo, fará seu jogo". Com relação ao fato de ter que enfrentar o suíço em sua sexta final de Grand Slam, observou que era uma circunstância que "é pouco comum e isto deve ser levado em conta".

Nadal ainda acredita que o fato de Federer ser o número um do mundo o credencia como grande favorito para a final: "Sinto que disputarei uma final muito difícil, que não sou o favorito e que ele fará o possível para jogar em seu melhor nível".

"Acho que ele está em sua melhor quadra, em seu melhor torneio, onde ele está mais à vontade e onde demonstrou ser mais forte", afirmou. "Se Federer não é derrotado há 65 jogos na grama, não acredito que perderá amanhã. Acho que se eu vencer, será porque terei jogado extremamente bem e feito uma partida tecnicamente perfeita", acrescentou.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo