iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

01/07 - 11:50

Dementieva vacila no segundo set, mas bate Petrova e pega Venus

Russa venceu por 2 sets a 1 e se garantiu nas semifinais de Wimbledon

Gazeta Esportiva

Poderia ter sido muito mais fácil, mas em meio a altos e baixos Elena Dementieva conseguiu se classificar às semifinais de Wimbledon. Nesta terça-feira, a russa top dez quase se complicou no confronto com a compatriota Nadia Petrova ao desperdiçar vantagem incrível no segundo set, mas se recuperou a tempo de fechar a partida na terceira parcial, com 6/1, 6/7 (6-8) e 6/3.

Depois de mostrar bastante irregularidade e vencer em maratona de 2h32, Dementieva comemora por desta vez não ter se desequilibrado ao perder grande vantagem em uma partida decisiva. Se nas quartas-de-final de Roland Garros a moscovita sacou em 6/3 e 5/3 antes de levar incrível virada de Dinara Safina, no Grand Slam britânico ela abriu 5/1 na segunda parcial antes de permitir a reação de outra russa, Petrova.

Mais do que isso, após sofrer com as nove duplas-faltas que cometeu, Dementieva ainda teve o set na mão no tie-break, em que teve um duplo match point com 6-4 no marcador, mas, novamente, deixou que a compatriota voltasse para o jogo, marcando quatro pontos seguidos.

Na terceira parcial, por outro lado, o panorama voltou a ser favorável à favorita, que contou com os erros de Petrova, melhorou o aproveitamento no primeiro saque e só cedeu um break point. Desse modo, finalmente a quinta colocada do ranking feminino conseguiu a classificação à semifinal de um Grand Slam, feito que ela não atingia desde 2005, no Aberto dos Estados Unidos.

Ainda sem títulos dos quatro maiores torneios do circuito no currículo, Dementieva precisa, para avançar à decisão, superar o mau retrospecto diante de Venus Williams, que seguiu viva em Wimbledon após aplicar 6/4 e 6/3 sobre a tailandesa Tamarine Tanasugarn. Em sete partidas realizadas entre as duas cabeças-de-chave (nenhuma sobre quadras de grama), a russa levou a melhor em apenas duas.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias