iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

30/06 - 17:19

Com estiramento na coxa, Melo pára por duas semanas
Forçado a abandonar a chave de duplas de Wimbledon nesta segunda-feira por causa de uma lesão, o brasileiro Marcelo Melo ficará pelo menos duas semanas afastado do circuito profissional.

Gazeta Esportiva

O mineiro, que disputaria as oitavas-de-final do Grand Slam britânico ao lado de André Sá, sofreu um estiramento muscular na coxa esquerda e corre o risco de ficar de fora do Torneio de Indianápolis, durante o mês de julho.

Melo sofreu um estiramento no músculo posterior da coxa esquerda na sexta-feira, durante a vitória por 3 sets a 1 sobre a parceria composta pelo sueco Johan Brunstrom e pelo australiano Adam Feeney. Como o tenista não se recuperou a tempo, a dupla brasileira foi forçada a dar a vitória por W.O. aos adversários desta segunda-feira, Kevin Anderson/Robert Lindstedt (África do Sul/Suécia).

“Estou muito triste por ter que tomar essa difícil decisão, pois estava jogando muito bem e a nossa dupla tinha boas chances de ir longe no torneio”, lamentou Melo, semifinalista em Wimbledon-2007 ao lado de Sá. “Às vezes, nem tudo acontece como planejado. Escorreguei e caí de mau jeito no jogo de sexta-feira e passei a jogar com dores. Fiz os exames e foi constatado um estiramento de 1,5 cm”, explicou.

O tempo médio de recuperação para este tipo de lesão é de aproximadamente duas semanas. Com isso, fica em dúvida a participação dos mineiros no Torneio de Indianápolis, com início marcado para 14 de julho e onde Melo e Sá defendem 40 pontos, obtidos com a classificação às quartas-de-final do ano passado.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo