iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

22/06 - 18:08

Diretor-executivo do Grand Slam inglês nega casos de corrupção
Em resposta às acusações de alguns jornais britânicos, como o Sunday Times , o diretor-executivo do Torneio de Wimbledon, Ian Ritchie, garantiu, neste domingo, em Londres, que não há compras de resultados no circuito profissional de tênis, muito menos no Grand Salm inglês

Gazeta Esportiva

Segundo o jornal, diversas partidas, entre elas, oito em Wimbledon, estariam sob suspeita de terem seus resultados combinados, devido à existência de uma rede de apostas profissionais.

'Tudo que está nos jornais são histórias velhas. Não existe nenhuma evidência nova e ninguém trouxe novas alegações', explicou Ritchie. 'É totalmente diferente um padrão de apostas incomum e partidas arranjadas. Há muita fofoca, mas nenhuma evidência verdadeira', continuou.,p>
Caso o problema realmente exista, o dirigente afirmou que o torneio está preparado para evitar casos de corrupção. Este ano, somente o tenista e seu técnico poderão entrar nos vestiários, o que evitará que outras pessoas tenham acesso a informações que possam ser usadas nas apostas. 'O que estamos fazendo é tentar evitar e coibir (as apostas)”, disse.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias