iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Tênis

17/06 - 10:07

Na volta às quadras, Saretta só tira três games de Gabashvili
Depois de ficar nove meses sem disputar partidas oficiais no circuito profissional de tênis, Flávio Saretta voltou à quadra e teve poucos motivos para comemorar. Na disputa do forte Challenger de Braunschweig, o brasileiro e não resistiu ao russo Teimuraz Gabashvili, que avançou à segunda rodada ao vencer em sets diretos, com tranqüilas parciais de 6/1 e 6/2.

Gazeta Esportiva

Como não atuava desde agosto do ano passado, quando havia alcançado as semifinais em Campos do Jordão, já era esperado que Saretta acusasse a falta de ritmo de jogo no retorno. Nesse meio tempo, o tenista de Americana tratou de uma fratura por estresse no cotovelo direito e ainda passou por uma cirurgia no joelho direito, para corrigir um problema nos ligamentos, vendo seu ranking despencar para a 569ª posição.

Para marcar seu retorno à ação, o ex-número 44 do mundo resolveu escolher o forte evento alemão, que distribui 106,5 mil euros em prêmios (cerca de R$ 267 mil) e 90 pontos na lista de entradas para o campeão. Para piorar suas chances, ele deu azar no sorteio, caindo logo na primeira rodada com Gabashvili, quinto pré-classificado, atual 93º colocado da ATP e campeão dos challengers de Karlsruhe e Telde somente nesta temporada.

Desse modo, Saretta não teve chances de evitar a sonora derrota, mas isso não deve desanimar o tenista de 27 anos. Eliminado na Alemanha, ele agora parte para a Itália, onde disputará o Challenger de Reggio Emilia, na semana que vem. Para entrar direto na chave principal dos eventos sem a necessidade de passar pelo qualifying, o brasileiro está fazendo uso do sistema de ranking protegido, que vale por oito torneios ou nove meses e o garante como o número 136 do mundo.

Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo