Publicidade
Publicidade - Super banner
enhanced by Google
 

Sob chuva, Vasco supera semana tumultuada e Duque de Caxias

Em Macaé, o time esqueceu atrasos de salários e fez 3 a 1 em Macaé. Jogo teve chuva intensa

iG São Paulo |

AE
Vitória do Vasco da Gama teve chuva intensa em Macaé
A semana tumultuada e a chuva intensa em Macaé não foram suficientes para segurar o Vasco da Gama neste domingo. O time venceu o Duque de Caxias por 3 a 1 pela Taça Guanabara e se igualou ao Fluminense em número de pontos, 6, no topo do grupo B.

Veja a tabela completa e a classificação da Taça Guanabara

A partida foi marcada pela forte chuva que atingiu a região de Macaé. Durante os 90 minutos, os jogadores tiveram que driblar as poças de água no gramado do estádio Moacyrzão. O Vasco da Gama saiu na frente já no primeiro tempo com Juninho. Na segunda etapa, o Duque de Caxias chegou a empatar o jogo, mas não resistiu à pressão dos vascaínos que fizeram mais dois gols.

Apesar das reclamações na semana, os jogadores demonstraram empenho dentro de campo. O Vasco deve dois meses de salário para os atletas. Alguns jogadores estavam sem receber ainda quatro meses de direito de imagem.

Os atletas chegaram a ameaçar que não se concentrariam para o jogo caso o clube não pagasse parte da dívida. Na sexta-feira, houve o pagamente de parte dos direitos de imagem atrasados, o que acalmou os ânimos dos jogadores.

Na próxima quarta-feira, o Vasco enfrenta o Bangu, no estádio Moça Bonita.

O jogo
O Vasco começou a partida pressionando o Duque de Caxias. Aos sete minutos do segundo tempo, o time chegou pela primeira vez com perigo ao gol do adversário. A bola chutada por Diego Souza foi defendida pelo goleiro Fernando e bateu na trave.

O Duque de Caxias conseguia contra-atacar e jogo era rápido, apesar do gramado pesado, por causa da forte chuva. Aos 27 minutos, o Vasco abriu o placar, com Juninho, chutando de fora da área.
No segundo tempo, o Duque de Caxias voltou melhor e atacando o Vasco. Aos 9 minutos, a pressão deu resultado. Gilcimar recebeu a bola próximo à meia-lua da área e arriscou um chute. A bola entrou no canto esquerdo do goleiro vascaíno Fernando Prass.

Após sofrer o gol, o Vasco voltou a atacar. Três minutos depois do empate, os vascaínos voltaram a marcar, com Alecsandro. O atacante aproveitou um cruzamento e, dentro da área, tocou para o gol.

Aos 28 minutos do segundo tempo, o time conseguiu ampliar o placar. Fagner cruzou na ponta direita e
Diego Souza tocou de cabeça para fazer o terceiro gol. A vantagem vascaína e o campo encharcado impediram uma reação do Duque de Caxias nos minutos finais da partida.

DUQUE DE CAXIAS 1 x 3 VASCO
Local: Estádio Claudio Moacyr de Azevedo, em Macaé (RJ)
Data: 29/1/2012 (domingo)
Árbitro: Pathrice Maia (RJ)
Assistentes:Silbert Faria Sisquim (RJ) e Wendel de Paiva Gouvea (RJ)
Gols: Gilcimar, para o Duque de Caxias, e Juninho, Diego Souza e Alecsandro, para o Vasco
Cartões: Paulão, Rodolfo e Diego Souza

VASCO: Fernando Prass; Fagner, Dedé, Rodolfo e Thiago Feltri; Nilton, Fellipe Bastos, Allan (Bernardo) e Juninho Pernambucano (Eduardo Costa); Diego Souza (Willian Barbio) e Alecsandro
Técnico: Cristovão Borges

D
UQUE DE CAXIAS: Fernando; Arilson, Paulão (Carlos Alberto), Daniel Melo, Rodrigues; Fábio Aguiar, Romário, Juninho (Michael) ; Raphael Augusto; Gilcimar e Jefinho (Jorge Fellipe). Técnico: Mário Marques

 

Leia tudo sobre: Vasco da GamaCampeonato Carioca 2012

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG