Publicidade
Publicidade - Super banner
Pan
enhanced by Google
 

Presidente do COB confirma saída de diretora comercial do Rio 2016

Maggie Sanchez deixou cargo por incompatibilidade de filosofia de trabalho, segundo Carlos Arthur Nuzman

Marcel Rizzo, enviado iG a Guadalajara |

Incompatibilidade de filosofia de trabalho. Foi essa a explicação do presidente do COB (Comitê Olímpico Brasileiro), Carlos Arthur Nuzman, para a saída da diretora comercial do Comitê Rio 2016, Maggie Sanchez. Ela era a responsável por negociar a venda da marca e das Olimpíadas de 2016, que acontecerão no Rio de Janeiro – por enquanto, Leonardo Gryner, diretor geral do Comitê, acumula esta função.

“Quem começa um projeto, não necessariamente termina esse mesmo projeto”, disse Nuzman, que concedeu entrevista no clube hípico dos Jogos Pan-Americanos de Guadalajara, onde acompanhou a brasileira Yana Marques ganhar a medalha de prata no pentatlo moderno.

Nuzman deve permanecer as duas semanas de Jogos no México, mas pretende, quando voltar, explicar mais detalhadamente o motivo da troca e o que pretende alterar na área comercial do Comitê Rio 2016.

Ele também comentou sobre as denúncias contra o ministro do Esporte, Orlando Silva Jr., acusado de ter recebido propina para facilitar a liberação de dinheiro de projetos repassados pelo ministério a ONGs. A acusação foi publicada pela revista Veja.

“O ministro é ótimo, nos damos muito bem e ele auxilia em tudo que precisamos no Rio 2016. Mas não li essas acusações, não posso falar a respeito”, disse Nuzman.

Leia tudo sobre: rio 2016carlos arthur nuzmancobpan 2011

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG