Tamanho do texto

Com apenas três centímetros de desvantagem, Jefferson Sabino trocou o segundo pelo terceiro lugar e "amargou" o bronze

AP
O brasileiro Jefferson Sabino ficou com a medalha de bronze no salto triplo em Guadalajara
O brasileiro Jefferson Sabino já começava a saborear o gostinho de ser medalha de prata no salto triplo quando o cubano Yoandris Betanzoz, que era somente o sexto colocado naquele ponto da competição, saltou para 16,54m e superou em apenas três centímetros a marca que assegurava o segundo lugar do brasileiro. Enquanto isso, outro cubano, Alexis Copello, apenas assistia aos demais tentarem sem sucesso uma aproximação. Ele ficou com o ouro com salto de 17,21m, distância conquistada na primeira tentativa.

Leia ainda: Marílson dos Santos é ouro em dobradinha do Brasil nos 10 mil

Apesar da frustração de ser superado no final da competição, Sabino acabou conquistando uma marca muito especial para o esporte nacional. Seu bronze foi a 150ª medalha do atletismo brasileiro. Nesta quinta-feira, o Brasil ganhou seis medalhas na pista do Telmex.

Siga o blog da Maurren Maggi e acompanhe os posts direto de Guadalajara