Publicidade
Publicidade - Super banner
Pan
enhanced by Google
 

Com doping de canadense, brasileiro herda prata no esqui

Odepa confirma primeiro caso de doping do Pan de Guadalajara no wakeboard, e Marcelo "Marreco" Giardi sobe um degrau no pódio

AE |

selo

EFE
Aaron Rathy, do Canadá, foi pego no doping e Marreco herdou a medalha de prata
A Odepa (Organização Desportiva Pan-Americana) confirmou nesta sexta-feira o primeiro caso de doping do Pan de Guadalajara. O canadense Aaron Rathy, que havia sido o segundo colocado na prova de wakeboard do esqui aquático, foi flagrado no exame antidoping. Com isso, ele foi desclassificado da competição, e o brasileiro Marcelo Giardi, conhecido como Marreco, herdou a medalha de prata.

Leia mais: Diego é bi no salto e Brasil passa Cuba

De acordo com comunicado divulgado pela Odepa, o esquiador canadense foi flagrado com a substância proibida metilhexaneamina, em exame realizado após a disputa da final do wakeboard, no último sábado, dia 22. "Já foi enviada uma notificação oficial ao Comitê Olímpico Canadense, à federação internacional correspondente e foi retirada a medalha de prata obtida pelo atleta", explicou a entidade.

Confira o calendário do Pan

Além do brasileiro Marreco, que havia conquistado o bronze na prova ao fazer 65,90 pontos, outro atleta foi beneficiado com a desclassificação do canadense, que havia conseguido 72,67 pontos. Foi o argentino Alejo de Palma, que havia sido o quarto colocado, com 65,11 pontos, e agora herda a medalha de bronze. O ouro permanece com o norte-americano Andrew Scott Adkinson, com um total de 80 pontos.

Na última quinta-feira, o presidente da Odepa, Mario Vázquez Raña, havia exaltado o fato de nenhum atleta ter sido flagrado pelo uso de doping no Pan. "Hoje classificaria estes Jogos como um dos melhores. Se chegarmos ao fim em branco (sem doping), não poderia mais classificar como os melhores Jogos, teria que buscar outra palavra", disse o dirigente. Agora, porém, surgiu o primeiro caso.

Leia tudo sobre: pan 2011esqui aquáticoBrasilMarcelo Giardi

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG