Publicidade
Publicidade - Super banner
Pan
enhanced by Google
 

Ciclista de Porto Rico é terceiro caso de doping antes do início do Pan

Kelvin González, do MTB, deu positivo no exame antidoping para eritropoetina, conforme informou a agência oficial do Pan-Americano

EFE |

O ciclista portorriquenho Kelvin González, do ciclismo MTB, se tornou o terceiro atleta dos jogos Pan-Americanos de Guadalajara a ser afastado por doping antes do início das competições, confirmaram neste sábado fontes da organização. Segundo a Witen Sports, agência oficial do Pan, deu positivo para eritropoetina, de acordo com um comunicado da delegação de Porto Rico.

No texto, assinado pelo médico Enrique Amy, presidente da Comissão Antidoping do país, é explicado que o resultado do exame de González está inserido nos controles realizados em todos os atletas antes da viagem para Guadalajara. Imediatamente, o ciclista foi separado da delegação de Porto Rico e ficou fora da prova do Mountain Bike, disputada neste sábado e que teve o colombiano Héctor Leonardo Paez como vencedor .

Veja como está o quadro de medalhas do Pan-Americano

Na sexta-feira, foi cancelada a inscrição da brasileira Simone Alves da Silva, que correria as provas de 5 mil e 10 mil metros e também deu positivo para eritropoetina em um segundo exame . A atleta inclusive será julgada pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). O primeiro caso de doping antes dos Jogos Pan-Americanos foi do atleta chileno Cristián Escalante, do levantamento de peso, que em um exame realizado em seu país deu positivo para o estimulante Methylhexaneamine.

Leia tudo sobre: pan 2011ciclismo MTB

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG