Publicidade
Publicidade - Super banner
Pan
enhanced by Google
 

Brasileiras dão bronca em Jaqueline e comemoram recuperação

Fabíola, companheira de quarto de Jaqueline, disse que teve que brigar com ponteira para que ela ficasse com proteção cervical

iG São Paulo |

Vipcomm
Jaqueline e Fabi se emocionam no reencontro no hotel da seleção neste domingo
Na segunda vitória da seleção feminina de vôlei no Pan-Americano, o clima era de alegria pelos 3 sets a 0 em cima do Canadá e de comemoração pela rápida recuperação de Jaqueline. A ponteira, que fraturou as vértebras C5 e C6 da coluna cervical depois de um choque com Fabi na estreia no Pan, teve alta neste domingo e foi lembrada pelas companheiras. Mas também já levou bronca logo que voltou à concentração.

Leia também: Jaqueline tem alta após fratura na cervical e fica em hotel do time

Fabíola, companheira de quarto de Jaqueline, disse que logo que a jogadora chegou ao hotel da seleção, quis retirar o colar que protege o local da fratura. "Eu disse para ela: 'Não, não pode tirar. Tem que esperar. Não deixei ela tirar", comentou a levantadora em entrevista à TV Record após a vitória sobre o Canadá. "Ela está bem. Estou cuidando bem dela", disse ainda a levantadora.

Fabi, que bateu cabeça com Jaqueline em quadra, jogou mais uma vez toda a partida e disse que o reencontro com a companheira teve momentos de emoção. "Foi uma jogada inusitada, no ímpeto das duas de pegar a bola. Encontrar com ela no hotel foi bacana e ela se emocionou. Ela tinha ficado muito assusta", contou Fabi.

Leia também: Sem sustos, Brasil passa pelo Canadá e fica a uma vitória da semifinal do Pan

A líbero ainda prometeu jogar por duas em Guadalajara. "Minha missão aqui no Pan é jogar por mim e pela Jaque".

Para Fabíola, o susto com Jaqueline pode unir ainda mais a equipe. "Estamos com 11, mas essas 11 vão virar 15 ou 20. Esse é o momento de lutar mais e de vibrar mais", disse.

Brasil volta para quadra nesta segunda e enfrenta Cuba às 20h (horário de Brasília). O duelo define o líder do grupo B, que avança direto para as semifinais no PAn-Americano.

 

Leia tudo sobre: pan 2011vôleiBrasilJaqueline

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG