A cidade ainda precisa anunciar formalmente a sua candidatura a sede dos Jogos de 2020

selo

O Comitê Olímpico Japonês (JOC, na sigla em inglês) revelou neste sábado que a candidatura de Tóquio para os Jogos Olímpicos de 2020 deve incluir as regiões mais atingidas pelo terremoto, seguido de um tsunami, ocorrido em 11 de março, e pela crise nuclear. Tóquio, que sediou os Jogos Olímpicos de 1964, ainda tem de anunciar formalmente a sua candidatura, mas a expectativa é de que isto seja oficializado nas próximas semanas.

Presidente do JOC, Tsunekazu Takeda se reuniu com governantes da região nordeste do Japão neste sábado e disse a eles ter o desejo de que os Jogos de 2020 em Tóquio fiquem como um "símbolo de recuperação". "Nós queremos ajudar a reabilitar o Japão através do esporte", disse Takeda.

Takeda disse que Miyagi, Iwate e Fukushima - as três cidades mais atingidas pelo desastre - poderiam sediar eventos de futebol se Tóquio conquistar o direito de sediar os Jogos Olímpicos.

Fukushima, a mais próximo das três cidades da capital japonesa, está 238 quilômetros ao norte de Tóquio. Os comitês olímpicos nacionais têm até 1º de setembro para apresentar candidaturas aos Jogos de 2020.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.