Publicidade
Publicidade - Super banner
Olimpíadas
enhanced by Google
 

Rogge quer que EUA se candidatem aos Jogos de 2020

Nova York fracassou em sua candidatura aos jogos de 2012 e Chicago foi eliminada da votação para os de 2016

AE |

O presidente do Comitê Olímpico Internacional, Jacques Rogge, disse neste sábado que iria ficar satisfeito se os Estados Unidos decidirem apresentar uma candidatura aos Jogos Olímpicos de 2020, apesar do fracasso das cidades norte-americanas nas disputas recentes para receber o evento em 2012 e 2016. 

Nova York fracassou em sua candidatura aos Jogos de 2012 e Chicago foi eliminada na primeira rodada da votação dos Jogos Olímpicos de 2016, apesar da presença do presidente Barack Obama em Copenhague no momento da votação em 2009. Os comitês olímpicos nacionais têm até 1º de setembro para enviar os nomes das cidades candidatas para 2020. 

O Comitê Olímpico dos Estados Unidos (USOC, na sigla em inglês) afirmou que não irá considerar uma candidatura até chegar a acordo final com o Comitê Olímpico Internacional em um novo contrato de partilha de receitas, uma questão que causou desentendimentos e contribuiu para as derrotas de Nova York e Chicago. As cidades mencionadas como candidatas potenciais incluem Nova York, Los Angeles, Dallas, Minneapolis e Tulsa. 

Os Estados Unidos não sediam uma Olimpíada desde os Jogos de Atlanta de 1996. "Quanto à situação dos EUA, há declarações do USOC que eles ainda estão à espera, mas, é claro, se houver uma boa candidatura dos Estados Unidos, teríamos o maior prazer", disse Rogge.

Roma é a única cidade que se candidatou oficialmente até agora para 2020, mas várias outras cidades são esperadas para participar da disputa nos próximos dias e semanas. Madri, Tóquio e Istambul são candidatas prováveis. Doha e Dubai também são candidatas as em potencial. 

A África do Sul ainda pode apresentar uma candidatura para 2020, com a cidade de Durban sendo a provável candidata, apesar do governo ter dito no final de maio que o tempo não era o certo para uma campanha olímpica. "Está como uma nação pronta para sediar os Jogos Olímpicos", disse Rogge, referindo-se à África do Sul. "Depende do que você quer fazer. Senti, falando com seus políticos, que havia um desejo de uma candidatura no futuro. Pode não ser em 2020, poderia ser em 2024".

Leia tudo sobre: olimpíadas

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG