Primeira fase de solicitação de bilhetes termina nesta quinta-feira. O iG Esporte ajuda o torcedor a montar seu “pacote” para acompanhar de perto as Olimpíadas no ano que vem

Ainda dá tempo, mas é melhor não bobear. Termina nesta quinta-feira a primeira fase da solicitação de ingressos para os Jogos Olímpicos do Rio 2016 . Nesta etapa, o comitê organizador coloca à venda cerca de 60% dos 7,5 milhões de bilhetes para o megaevento, que acontecerá entre os dias 5 e 21 de agosto do próximo ano. Os preços começam a partir de R$ 40 e quase quatro milhões de entradas custarão até R$ 70. Haverá meia-entrada para residentes no Brasil estudantes, com 60 anos ou mais e cadeirantes (com ou sem acompanhantes), com desconto em todas as categorias de preço.

Acompanhe a preparação brasileira para os Jogos do Rio 2016 no blog Espírito Olímpico

Os torcedores poderão escolher tíquetes para até 20 sessões e estes pedidos serão submetidos a um sorteio, cujo resultado sairá em junho. Apenas pessoas residentes no Brasil poderão fazer parte desta etapa. Um detalhe importante é que nesta etapa inicial é possível parcelar a compra entre três e cinco parcelas no cartão de crédito, se o comprador for portador do cartão de bandeira Visa, patrocinadora dos Jogos.

Veja como estão algumas das obras para as Olimpíadas do Rio 2016



A segunda fase de vendas também será por sorteio, com inscrições ocorrendo a partir de julho. Terão prioridade as pessoas que se inscreveram na primeira fase e não foram contempladas com nenhum ingresso. O resultado deste sorteio sairá no mês de agosto. Os ingressos remanescentes das fases de sorteio serão colocados à venda, de forma online, através da página de ingressos. Esta fase é aberta ao público geral, dentro e fora do Brasil. Todas as informações poderão ser acessadas no site oficial do Rio 2016, área de ingressos, no endereço www.rio2016.com/ingressos.

Vôlei lidera, mas natação e atletismo crescem na preferência para o Rio 2016

Para ajudar a quem ainda não fez sua reserva, o iG Esporte selecionou algumas opções de compras para o torcedor que pretende ir ao Rio de Janeiro acompanhar os Jogos Olímpicos de perto

Cerimônia de abertura (dia 5)

É considerado o evento mais nobre das Olimpíadas. Até por isso tem os preços mais salgados, variando de R$ 200, para o setor E das arquibancadas localizadas atrás dos gols do Estádio do Maracanã, até R$ 4.600, para as cadeiras localizadas no setor central. Cada pessoa pode solicitar apenas quatro ingressos.

Primeira medalha do Brasil, no judô? (dia 6)

É possível que o Brasil comece os Jogos do Rio ganhando uma medalha e será justamente no judô, com as finais das categorias até 48 kg (feminino) e até 60 kg (masculino). Em Londres 2012, Sarah Menezes levou o ouro e Felipe Kitadai o bronze, respectivamente. As finais, na Arena Carioca 2, têm seus preços variando de R$ 220 a R$ 700.

Estrelas do tênis por apenas R$ 50 (dia 7)

Quem é fã de tênis poderá dar a sorte de cruzar com alguns dos principais jogadores do circuito mundiai atuando pelas chaves de simples e duplas (masculino e feminino) por R$ 50. Serão sete quadras secundárias no Centro Olímpico deTênis, das 11h às 20h.

Finais na ginástica artística masculina por equipes (dia 8)

A final por equipes masculina de ginástica artística ocorrerá na Arena Olímpica, no Parque da Barra da Tijuca, e terá ingressos variando de R$ 260 a R$ 900.

Tiro com arco no Sambódromo (dia 9)

Esse é o dia para conhecer a grade revelação da modalidade, Marcus Vinícius D’Almeida, de apenas 16 anos e vice-campeão da Copa do Mundo de 2014. As eliminatórias individuais masculina e feminina serão realizadas no Sambódromo e podem ser acompanhadas por até R$ 50.

Marcus Vinicius D'Almeida, promessa do Brasil no tiro com arco para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016
Divulgação/Tiro com Arco
Marcus Vinicius D'Almeida, promessa do Brasil no tiro com arco para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016


Robert Scheidt em ação (dia 10)

Chance de ver competindo um dos maiores atletas olímpicos do Brasil, o iatista Robert Schedit. Dono de cinco medalhas nos Jogos (dois ouros, duas pratas e um bronze), Scheidt estará competindo pela classe Laser. As regatas na sede da Marina da Glóiria vão das 13h às 17h30, com ingressos a R$ 40.

A volta do golfe às Olimpíadas (dia 11)

Depois de mais de 100 anos, o golfe volta ao programa olímpico. Você poderá ver a estreia da modalidade no rio 2016, no polêmico campo de golfe na Barra da Tijuca, que despertou a ira dos ambientalistas. O ingresso custa apenas R$ 50.

Cielo cai na água para ser bicampeão? (dia 12)

A natação será o grande destaque desta sexta-feira, reservando como principal momento, ao menos para o torcedor brasileiro, a final dos 50 m livre. Será a oportunidade para Cesar Cielo tentar faturar sua segunda medalha de ouro na prova, repetindo o feito de Pequim 2008. Sem falar que outro brasileiro, Bruno Fratus, tem tudo para chegar em alto nível também. Assim como alto é o preço para vê-los em ação: de R$ 260 a R$ 900.

Como comprar, quanto pagar, onde retirar: o que saber dos ingressos do Rio 2016

Começa o mata-mata do vôlei de praia (dia 13)

Um dos esportes mais procurados pelos torcedores, o vôlei de praia no rio 2016 começará a suia fase decisiva no sábado. E com direito a uma “sessão coruja”, com os últimos jogos do dia começando as 23h. Os preços variam de R$ 50 a R$ 100, na arena na praia de Copacabana.

Mais um show de Usain Bolt? (dia 14)

O evento esportivo mais aguardado das Olimpíadas de 2016 está programado para o domingo (14/8), quando o atletismo irá atrair todas as atenções, especialmente por conta da semifinal e final dos 100 m rasos masculino, onde o jamaicano Usain Bolt é o favorito a conquistar sua terceira medalha de ouro consecutiva, desta vez na pista do Engenhão. O ingresso mais em conta custa R$ 350, enquanto o mais caro sai por R$ 1.200.

Bolt faz a sua famosa pose depois de conquistar o bi dos 100 m rasos em Londres 2012
Arquivo iG
Bolt faz a sua famosa pose depois de conquistar o bi dos 100 m rasos em Londres 2012


Chance de medalha do Brasil por apenas R$ 40 (dia 15)

Se a intenção é não gastar muito, um dia ideal para tentar garantir seu ingresso é na segunda-feira (15/8), quando haverá a prova da maratona aquática feminina, no Forte de Copacabana. Por apenas R$ 40, o torcedor terá provavelmente a chance de ver as brasileiras Ana Marcela Cunha e Poliana Okimoto brigando por medalha.

Futebol feminino chega à semifinal (dia 16)

A seleção brasileira feminina de futebol, com destaque para a craque Marta, é séria candidata a estar em uma das semifinais olímpicos, na terça-feira (16/8), no Maracanã ou no Mineirão, em Belo Horizonte, uma das sedes do futebol no Rio 2016. Os preços são os mesmos para os dois locais: de R$ 100 a R$ 280.

Hipismo saltos define campeão por equipes (dia 17)

O Centro Olímpico de Hipismo, no Complexo Esportivo de Deodoro, conhecerá na quarta (17/8) quem ficará com a medalha de ouro no hipismo saltos por equipes. Para acompanhar a final, o torcedor desembolsará de R$ 300 a R$ 540.

Vôlei é o esporte mais procurado nos pedidos de ingressos do Rio 2016

Reta de chegada no handebol feminino (dia 18)

Esperança de medalha em 2016, a seleção feminina de handebol, atual campeã mundial, tem boas chances de estar em um dos dois jogos semifinais do torneio olímpico, na Arena do Futuro, no Parque Olímpico da Barra. Ingressos variam de R$ 180 a R$ 420.

Nova surpresa no pentatlo? (dia 19)

Em Londres 2012, ela conquistou a última medalha para o Brasil, de bronze. Será que em 2016 Yane Marques repetirá o resultado histórico para o pentatlo moderno? Quem quiser acompanhar as cinco provas que compõe a modallidade (hipismo, esgrima, natação e evento combinado tiro/corrida) e mais a cerimônia de premiação, no Complexo de  Deodoro, pagará R$ 210.  

Yane Marques levou bronze no pentatlo moderno em Londres 2012
Arquivo iG
Yane Marques levou bronze no pentatlo moderno em Londres 2012


Finais em dose dupla: futebol e vôlei feminino (dia 20)

Uma dúvida irá atormentar a cabeça do torcedor no penúltimo dia dos Jogos do Rio 2016: ver a final do futebol masculino (talvez com a seleção brasileira em campo) ou a decisão do ouro feminino do vôlei (seleção brasileira brigando pelo tricampeonato)? Se estiver com dinheiro sobrando, dá pra ver os dois: o futebol, no Maracanã às 17h30, tem ingressos de R$ 380 a R$ 900, enquanto que no ginásio ao lado (Maracanãzinho), a partir das 22h15, custará de R$ 260 a R$ 900.

Despedida com os astros da NBA (dia 21)

A não ser que ocorra uma zebra monumental, o último evento esportivo do Rio 2016 terá a presença da seleção norte-americana de basquete e suas estrelas da NBA, na decisão da medalha de ouro, na Arena Carioca 1. O preço será salgado, com os ingressos variando de R$ 350 a R$ 1.200.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.