iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Notícia

19/05/2009 - 22:52

Guarani bate Campinense e mantém 100% de aproveitamento na Série B

Mesmo atuando fora de casa, o Bugre fez 2 a 1 e alcançou três vitórias em três partidas

Gazeta Esportiva

CAMPINA GRANDE - Rebaixado no Campeonato Paulista, o Guarani obtém um belo início de campanha no Campeonato Brasileiro da Série B. Mesmo atuando fora de casa, o Bugre derrotou nesta terça-feira o Campinense por 2 a 1 e chegou à sua terceira vitória em três rodadas de competição.

Com o resultado, o Guarani manteve os 100% de aproveitamento e assumiu a liderança provisória da segunda divisão com nove pontos. Em uma situação totalmente oposta, o Campinense segue sem somar pontos na Série B e ocupa a 19ª colocação. O curioso é que a equipe paraibana sofreu suas três derrotas pelo mesmo placar: 2 a 1.

Na próxima rodada, o Guarani terá pela frente um duelo estadual contra o Bragantino, que venceu o Duque de Caxias por 2 a 0 nesta terça-feira, no estádio Brinco de Ouro da Princesa, na sexta-feira, às 21 horas, dia 29. Em contrapartida, o Campinense encara o Ipatinga um dia depois, em Minas Gerais, às 16h10.


O jogo
A partida iniciou muito equilibrada e as duas equipes pouco criaram chances reais de abrir o placar. Mesmo atuando em casa, o Campinense cedeu muito espaços aos campineiros, principalmente na ala esquerda, setor onde atuou o experiente Jorginho Paulista.

Praticamente na sua primeira chance real de gol, aos 37 minutos, o Guarani aproveitou uma falha de marcação justamente na lateral esquerda e abriu o placar no estádio Amigão. O atacante Caíque, de coxa, completou para o gol o cruzamento de Walter Minhoca aos 37 minutos da primeira etapa. A vantagem se manteve até o intervalo.

Melhor em campo, o Bugre aumentou o marcador logo no início do segundo tempo. Aos sete minutos, Walter Minhoca sofreu pênalti. Na cobrança, Ricardo Xavier deslocou com categoria o goleiro Fabiano e aumentou a diferença no placar. A partir do segundo gol paulista, a torcida do Campinense iniciou os protestos em direção ao técnico Ferdinando Teixeira.

Mesmo atuando de forma apagada, o time paraibano chegou ao primeiro gol aos 19 minutos do segundo tempo. Em jogada de escanteio do lado direito, Tiago Saleti desviou de cabeça, sem chances para Douglas, e diminuiu o marcador, impondo pressão no Guarani e crescendo na partida.

O gol animou o Campinense que aderiu uma postura mais agressiva e pressionou o Bugre na parte final do duelo. Entretanto, a falta de qualidade da equipe paraibana impediu a igualdade no marcador. O Bugre, por sua vez, manteve a vantagem de forma tranquila e garantiu sua terceira vitória em três rodadas de Série B.


Leia mais sobre:

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo
Contador de notícias