iG - Internet Group

iBest

brTurbo

 

Notícia

12/10 - 07:52

Técnico da seleção alemã critica abandono de Kuranyi

Para Joachim Löw, atitude do brasileiro naturalizado alemão de deixar a seleção é inaceitável e incompreensível

EFE

BERLIM (Alemanha) - O técnico da seleção alemã, Joachim Löw, criticou neste domingo duramente o abandono do atacante brasileiro Kevin Kuranyi, naturalizado alemão, do estádio de Dortmund durante a partida das eliminatórias para a Copa de 2010 entre Alemanha e Rússia.

O atacante saiu sem avisar os técnicos, aparentemente irritado porque não tinha sido relacionado entre os jogadores para a disputa.

A imprensa alemã dá por certo que Kuranyi já está virtualmente expulso da seleção alemã e que sua equipe, o Schalke 04, já foi informada sobre a decisão a respeito tomada por Löw e pela equipe técnica.

"Posso compreender sua decepção, mas sua reação, o que aconteceu ontem à noite, é inaceitável e incompreensível", disse o técnico, que lembrou que, "na seleção, há 20 jogadores dianteiros e os treinadores têm que tomar várias vezes decisões difíceis".

"Estamos surpresos. Foi surpreendente para todos nós", disse Löw à imprensa, ao comentar o abandono inesperado do jogador, além de revelar que, "apesar de ter realizado várias tentativas, Oliver Bierhoff e eu não conseguimos ainda falar com ele".

Acrescentou que, após anunciar os 18 jogadores que estariam em campo para o partida contra a Rússia e comunicar a escalação, Kuranyi o procurou "para expressar sua decepção" e por ter sido relegado à tribuna.

Enquanto isso, em declarações ao canal esportivo de televisão DSF, o assessor do atacante Roger Wittmann disse que Kuranyi "tomou a decisão que considera correta para si mesmo ao dizer 'vou para casa'".

Após reconhecer que seu cliente poderia haver agido mais diplomaticamente, Wittmann disse que "a pessoa Kevin Kuranyi também tem seu papel e tomou essa decisão".

O dominical Bild am Sonntag revelou neste domingo que Kuranyi desapareceu durante a partido na qual a Alemanha venceu a Rússia por 2 a 1, e que o ônibus com os jogadores da seleção alemã saiu de Dortmund sem o atacante a bordo.

Durante o primeiro tempo da partida, Kuranyi acompanhou o jodo da tribuna de honra com os outros responsáveis técnicos da seleção, e chegou a comemorar os gols de Lukas Podolski e Michael Ballack.

O atacante teria sumido durante o intervalo, já que não voltou à tribuna e supõe-se que voltou para casa antes do tempo.


Leia mais sobre: Joachim Löw Kuranyi seleção alemã Eliminatórias da Copa do Mundo

> Você tem mais informações? Envie para Minha Notícia, o site de jornalismo colaborativo do iG


Topo