Kelly Slater se machucou durante um treino na África do Sul e fraturou os dedos do pé direito; surfista não vai mais competir etapa em Jeffreys Bay

Kelly Slater é considerado o maior nome do surfe de todos os tempos
WSL/ Steve Sherman
Kelly Slater é considerado o maior nome do surfe de todos os tempos

O 11 vezes campeão mundial de surfe Kelly Slater está fora da etapa da África do Sul. Depois de ter vencido sua bateria na primeira rodada em Jeffreys Bay , o norte-americano de 45 anos de idade garantiu vaga direto para o terceiro round. No entanto, durante um treino em Boneyards nesta segunda-feira (17), o surfista sofreu uma fratura no pé direito.

LEIA TAMBÉM: Saiba tudo sobre o surfe e estilo de vida do esporte

Slater precisou sair da praia carregado e foi encaminhado a um hospital para realizar exames. O raio-X revelou duas fraturas nos dedos do pé direito e deverá passar por uma cirurgia. Desta forma, não voltará a competir a sexta etapa do circuito mundial de surfe e há chances ainda de ficar de fora da sétima, que acontecerá no Taiti.

LEIA TAMBÉM: Kelly Slater polemiza ao pedir morte de tubarões; veja o porquê

"Você já virou todo seu pé para trás? Se você já tentou alguma vez, é assim que ele deve ficar. Eu peguei um tubo esta manhã e quando fechou, a espuma amassou meu pé com a prancha, pressionando o metatarso. Foi como bater no meu com um grande martelo o mais forte que eu posso. Parece que estou dando a luz pelo meu pé direito agora! Estou achando que uma cirurgia e seis semanas de molho estão a caminho. Não estou ansioso para as 30 horas de vôo para casa antes da cirurgia. É chato mas tantas pessoas lidam com tantas coisas horríveis todos os dias ao redor do mundo que um pé quebrado é o menor dos problemas. As vezes uma coisa ruim é uma coisa boa. Eu vou dar o meu melhor enquanto estiver fora", escreveu Kelly Slater no Instagram, ao lado da foto do raio-X .

LEIA TAMBÉM: Surfista abandona reality show após ser atacada nua por mosquitos

Jeffreys Bay

Kelly Slater possui quatro títulos na África do Sul , tendo sido conquistados nos anos de 1996, 2003, 2005 e 2008. Mick Fanning também é tetracampeão da etapa mas as chances do pentacampeonato ficam agora somente nas mãos do australiano, quem é o atual defensor do título. A janela da sexta etapa do circuito mundial vai até o dia 23 de julho e em seguida a elite do surfe desembarca para o Taiti, onde acontece o Billabong Pro em 11 de agosto.

    Leia tudo sobre: surfe instagram
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.