O potiguar completou um aéreo full rotation em Snapper Rocks e levou a praia australiana à loucura; foi a primeira nota 10 do surfista no mundial

Ítalo Ferreira
WSL/ Kirstin Scholtz
Ítalo Ferreira

Depois de mandar um aéreo sensacional nas direitas de Snapper Rocks, na Austrália, o potiguar Ítalo Ferreira arrancou dos juízes a primeira nota 10 do ano entre os homens. Com a somatória de 17.83 (7.83+10), o surfista anotou o placar mais alto da competição até agora e eliminou o italiano Leonardo Fioravanti do segundo round.

LEIA TAMBÉM: Australiana é atacada por águas-vivas durante bateria do mundial de surfe

"Eu esperei a onda certa e, quando eu vi o bowl, eu falei que agora era a hora, aí fui com tudo e acabei acertando um aéreo muito bom para tirar o meu primeiro 10 no circuito mundial", disse Ítalo Ferreira .

O aéreo full rotation foi digno de nota máxima, já que além de alto, fez o surfista surgir da espuma ao completar a manobra. "Eu tinha errado um aéreo antes numa onda pequena, aí quando vi que o vento virou, decidi tentar uma coisa grande para tirar uma nota alta, porque a maré estava um pouco cheia e as ondas muito passadas, ficando um pouco difícil você atacar a junção. Ou seja, o único jeito de eu conseguir uma nota alta era tentar uma manobra grande, bem radical assim, então estou muito feliz por ter completado o aéreo e feito uma boa bateria", completou.

LEIA TAMBÉM: Kelly Slater polemiza ao pedir morte de tubarões; veja o porquê 

Assista:

No terceiro round, Ítalo enfrentou o também brasileiro Caio Ibelli e levou a melhor. Com a somatória de 14.60 (9.77+4.83) contra 13.27 (5.77+7.50) do conterrâneo, o potiguar garantiu uma vaga na fase 4 do Quiksilver Pro Gold Coast.

LEIA TAMBÉM: Italiano pega uma das maiores ondas do mundo em Portugal; assista

Ítalo Ferreira vai voltar pra água pelo quarto round numa disputa contra o australiano Joel Parkinson e o atual campeão mundial, o havaiano John John Florence. Em 2015, durante seu primeiro ano na elite do surfe, o brasileiro recebeu o prêmio de "Rookie of the year", o melhor novato no tour.

    Leia tudo sobre: surfe