Prova será dividida em cinco categorias: atletas com deficiência, elite, elite militar, atletas categoria geral e atletas militares

No domingo, dia 12, a capital paulista receberá alguns dos melhores corredores do país para a disputa da 44ª edição da 15K Sargento Gonzaguinha. A tradicional prova de rua reunirá 4 mil corredores e terá largada, a partir das 7h30 (horário de Brasília), e chegada no Centro de Capacitação Física e Operacional (Escola de Educação Física da Polícia Militar), na avenida Cruzeiro do Sul, 548, no Canindé, em São Paulo.

O destaque principal e favorito ao bicampeonato é Marílson Gomes dos Santos, campeão da Gonzaguinha (2003), e o maior corredor brasileiro da atualidade. O brasiliense radicado em Santo André, no ABC Paulista, é bicampeão da São Silvestre (2003 e 2005) e da Maratona de Nova York (2006 e 2008), recordista sul-americano dos 5.000 m (13min19s43), 10.000 m (27min28s12), dos 15 km (42min15), dos 20 km (56min32) e da meia-maratona (59min33).

Outros candidatos ao título também merecem atenção. O campeão do Ranking Caixa/CBAt, Valdir Sérgio de Oliveira, do Cruzeiro, o atleta mais regular da temporada. Ele terá a companhia de mais dois atletas do Cruzeiro : Luís Paulo da Silva Antunes, bicampeão da Gonzaguinha (2007 e 2008) e João Ferreira de Lima, o "João da Bota", campeão da Gonzaguinha (2006).

O Pinheiros mandou dois bons nomes : José Telles de Souza, campeão da Maratona de São Paulo (2005) e bicampeão da 15K Sargento Gonzaguinha (1998 e 1999) e Gladson Alberto Barbosa, campeão da 10K Rio - Corrida Pan-Americana (2007) e bicampeão brasileiro de Cross Country (2007 e 2009).

Na elite feminina, o destaque é Sirlene de Souza Pinho, campeã da Gonzaguinha (2006), vice-campeã da Maratona de São Paulo (2005), vice-campeã da Volta da Pampulha (2003 e 2005), medalha de bronze na maratona dos Jogos Pan-Americanos do Rio de Janeiro (2007) e bicampeã da Maratona de Buenos Aires (2008 e 2009). As brasileiras Beatriz Nascimento, Débora Regina Gomes Ferraz, Rosineide Flor da Silva e Adriana Rosa Pereira Caetano completam a lista feminina para a prova.

A prova será dividida em cinco categorias: atletas com deficiência, elite, elite militar, atletas categoria geral e atletas militares. A corrida terá início às 7h30 com os cadeirantes (masculino e feminino), 10 minutos depois será a vez da elite feminina. As demais categorias largam às 8 horas.

Nos últimos sete anos, seis brasileiros foram campeões da Gonzaguinha. A única vitória estrangeira neste período foi a do queniano Rugut Kipngetich, em 2005.

Marilson Gomes dos Santos venceu em 2003, Valdenor Pereira dos Santos faturou em 2004, João Ferreira Lima, o "João da Bota", levantou a taça em 2006, Luís Paulo da Silva Antunes foi bicampeão, em 2007 e 2008, e Franck Caldeira ganhou em 2009. Entre as mulheres, Sirlene Pinho faturou em 2006, a queniana Eunice Jeptoo foi a primeira em 2007, e a baiana Edielza Alves dos Santos fechou o bicampeonato em 2008 e 2009.

A corrida também será a penúltima seletiva para a São Silvestre. Os dez atletas melhores classificados na elite masculina e feminina garantem vaga para a corrida mais conhecida do calendário nacional, a ser realizada no último dia do ano.

A tradicional prova paulista tem o nome de Sargento Gonzaguinha em função do apelido de Luiz Gonzaga Rodrigues, sargento da Polícia Militar e que foi um nome importante do atletismo nacional na década de 40. Campeão brasileiro e recordista em diversas provas de meia-distância, Gonzaguinha foi duas vezes vice-campeonato da São Silvestre.

Entrega de kits

A entrega dos kits para os atletas será feita neste sábado, dia 11, das 08h às 17h, no local de largada - Centro de Capacitação Física e Operacional (Escola de Educação Física da Polícia Militar), na avenida Cruzeiro do Sul, 548, no bairro do Canindé. Não haverá entrega de kits no dia do evento.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.