Mark Meafua perdeu a cabeça ao perceber que iria levar um cartão vermelho

Mark Meafua, jogador australiano do Maitland Blacks
Reprodução
Mark Meafua, jogador australiano do Maitland Blacks

Um jogador de rugbi ficará pelo menos 10 anos afastado do esporte após ter atitude antiesportiva na Austrália. Mark Meafua não teria se conformado com o cartão vermelho que seria aplicado por Niklas Gaal e reagiu com agressividade, dando um forte soco no juiz, que quase caiu no chão. O atleta do Maitland Blacks foi julgado pelo tribunal local.

LEIA TAMBÉM: Goleiro dá bolada em torcida adversária e gera confusão na França; assista

O Hunter Rugby Union, entidade responsável do esporte no país, foi quem aplicou a punição ao jogador . "Nós não vimos nada como isso por aqui em 30 anos", disse Andy Fairfull, presidente do HRU ao "The Daily Mail". "É inaceitável abusar verbal ou fisicamente um árbitro. As sanções mostram que, se você tiver este tipo de comportamento, você estará de fora dos jogos por uma boa quantidade de tempo".

"Além de garantir o bem-estar de Niklas, a União tem a obrigação de fornecer à Mark o suporte apropriado. Dentro destes 10 anos, a associação de arbitragem e o clube de Maitland irão trabalham com o jovem e ajudá-lo em algum tipo de reabilitação", completou o dirigente.

Assista ao vídeo:

Na mesma noite após a grande final do Maitland Blacks contra o Newcastle Wanderers, que venceu a partida por 28 a 3, Mark Meafua foi preso em sua casa. De acordo com a imprensa local, o atleta de 18 anos de idade afirmou às autoridades estar profundamente arrependido de suas ações, e apesar da punição já ter sido aplicada, ele terá uma semana para recorrer à Justiça.

LEIA TAMBÉM: Árbitro é morto a pauladas por torcedores indignados com derrota

Árbitro morre em Moçambique

Um árbitro foi morto por torcedores após uma partida de futebol no distrito de Muidumbe, província de Cabo Delgado, em Moçambique. O juiz foi morto a pauladas pelos adeptos da equipe derrotada, que perdeu o jogo por 1 a 0. O duelo, inclusive, tratava-se de parte de um campeonato recreativo do país e estava em fase eliminatória.

No campeonato, participavam 32 equipes de dois distritos: Muidumbe e Mueda. O vencedor do torneio ainda leva pra casa o prêmio de 75 mil moticais, a moeda de Moçambique . A quantia, na moeda brasileira, fica em torno de R$ 3,8 mil.

LEIA TAMBÉM: Briga generalizada interrompe jogo de basquete na China; assista o vídeo

Árbitro armado no Brasil

Recentemente, em um campeonato amador em Minas Gerais, um árbitro teria sido agredido por um jogador da partida. Então, ele foi até o banco de reservas, pegou uma arma e voltou para o gramado. O atleta, com medo, saiu correndo e pulou o alambrado do estádio. De acordo com o "EPTV Sul de Minas", o juiz tratava-se de um policial civil e por isso, tinha o porte legal de armas.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.