Participantes foram detidos após denúncia por telefone. País não permite manifestações homossexuais públicas

Os participantes de uma corrida popular realizada na Rússia foram parar na delegacia. Tudo porque a polícia local confundiu o evento com uma passeata do orgulho gay.

O que fazer fora das quadras no Aberto da Austrália? Veja fotos

Após uma denúncia feita por telefone, três veículos da polícia saíram em busca dos supostos ativistas homossexuais. Os organizadores da corrida tiveram que assinar um documento afirmando que o evento tinha cunho exclusivamente esportivo.

As manifestações homossexuais não são permitidas na Rússia. Até o ano de 1993, autoridades do país consideravam relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo como doença mental e condenava os gays à prisão.

A primeira manifestação de gays da história da Rússia ocorreu em maio de 2006 e acabou em confronto com participantes agredidos por nacionalistas e fundamentalistas ortodoxos e a própria Polícia.

*com EFE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.