Publicidade
Publicidade - Super banner
Mais Esportes
enhanced by Google
 

Pentatlo moderno está em busca de novos recrutas

Modalidade, ligada às Forças Armadas, vai criar centros em São Paulo, Curitiba e Porto Velho, para descobrir novas Yanes

Ana Carolina Cordovano, especial para o IG, de São Paulo |

COB
Yane Marques é o maior nome brasileiro no esporte que reúne esgrima, natação, hipismo, tiro e corrida
Jovem, ao completar 18 anos, compareça à unidade das Forças Armadas mais próxima da sua casa, e aliste-se. Se para o jovem comum a frase pode causar arrepios, para os praticantes do pentatlo moderno é o caminho natural. Modalidade fortemente ligada ao Exército, Marinha e Aeronáutica, que contam com versões do pentatlo de acordo com sua área, o pentatlo moderno está atrás de novos recrutas, ou melhor, novos talentos.

Leia mais: menina prodígio da ginástica deve tudo a Toledo e treinadora

Medalha de ouro no Pan-Americano do Rio 2007 e de prata em Guadalajara, a pernambucana Yane Marques é a garota-propaganda do pentatlo. Há dois anos, Yane foi convidada a entrar no Exército para defender os militares em competições nacionais e internacionais. O Brasil é um dos países com os melhores resultados nesses torneios. Yane tem a patente de terceiro sargento e diz que, não fosse o apoio do Exército, não teria condições de manter a equipe que a ajuda nos treinamentos no Colégio Salesiano, no Recife. “A confederação me ajuda com o material de treino, e o Exército banca outras despesas, como psicólogo, preparador físico...”, conta Yane, que também recebe uma bolsa do governo de Pernambuco.

Yane ocupa a sétima colocação no ranking mundial da modalidade e já garantiu a participação nas Olimpíadas de Londres 2012. Em busca de novas Yanes, a CBPM (Confederação Brasileira de Pentatlo Moderno) mantém dois centros de treinamento, o de Recife, onde Yane foi descoberta, e o de Resende, onde foram disputados os Jogos do Rio. “Temos projetos para o ano que vem de criarmos centros em São Paulo, Curitiba e Porto Velho”, contou o vice-presidente da CBPM, Celso Sasaqui.

Veja também: Marílson Gomes não vai se arriscar para conseguir índice na maratona

Segundo Sasaqui, os resultados no Pan de Guadalajara estão dentro do esperado. “A Yane traria medalha, e sabíamos que conseguir a vaga olímpica no masculino era possível, mas difícil”, explicou. Luís Magno terminou em 11º lugar no Pan, colocação que não o garantiu em Londres. Atual 40º do ranking mundial, precisa acumular pontos para subir umas dez posições e lutar pela vaga. “Vamos mandá-lo a diversas provas internacionais para ele crescer no ranking”, contou Sasaqui.

Acompanhe o blog Espírito Olímpico

Diferentemente de Yane, Luís Magno fez carreira no Exército. Ele é primeiro-tenente. No masculino, é mais comum os atletas descobrirem o pentatlo durante o serviço militar, ainda obrigatório no Brasil. Já no feminino, o jeito de encontrar novos talentos é mesmo nas escolinhas. “Temos 30 jovens no centro do Rio e uns 35 no Recife”, disse Sasaqui. Muitos começam no esporte, mas acabam desistindo porque é muito difícil.

O pentatlo moderno é composto pelas disputas da esgrima, natação, hipismo (saltos) e a prova combinada de tiro e corrida. “Treino umas seis horas por dia e alterno as provas. Não dá para treinar as cinco todo dia”, conta Yane.

Futuro do pentatlo

O jovem William Muinhos, de 18 anos, é apontado como um bom nome para as Olimpíadas do Rio, em 2016. Com a criação dos novos centros, a CBPM acredita que o pentatlo tem tudo para crescer no Brasil, embora seja difícil acreditar numa popularização. Atualmente existem 150 atletas federados.

Depois de ficar em 18º nas Olimpíadas de Pequim, em 2008, Yane não gosta de falar de medalha. “As pessoas ficam cobrando a medalha, mas o que posso prometer é lutar muito para fazer um bom papel. O pentatlo depende de uma série de fatores, como a escolha do cavalo, por exemplo”, disse. Na prova de saltos, um sorteio define o animal de cada atleta, o que pode complicar ou facilitar a vida do competidor.

Relembre a disputa do pentatlo moderno no Pan de Guadalajara:

 

Leia tudo sobre: pentatlo modernoyane marques

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG