Publicidade
Publicidade - Super banner
Mais Esportes
enhanced by Google
 

Pan-Americano do Rio de Janeiro tem primeira conta rejeitada

TCU determinou que o governo federal não pague quantia milionária a empresa que teria apresentado orçamento com sobrepreço

Gazeta Esportiva |

_CSEMBEDTYPE_=inclusion&_PAGENAME_=esporte%2FMiGComponente_C%2FConteudoRelacionadoFoto&_cid_=1237882662863&_c_=MiGComponente_C

Mais de três anos depois do término da edição dos Jogos Pan-americanos de 2007, no Rio de Janeiro, o TCU (Tribunal de Contas da União) determinou que o governo federal não pague cerca de R$ 11 milhões à Fast Engenharia e Montagens AS devido a um suposto sobrepreço no orçamento apresentado pela firma.

Getty Images
Cerimônia de encerramento dos Jogos Pan-Americanos de 2007, no Rio de Janeiro

De acordo com o jornal "Folha de S. Paulo", a Fast deu suporte técnico temporário e locou equipamentos utilizados na construção da Vila Pan-americana. O TCU alega que também houve cobrança em duplicidade de custos administrativos e aquisição de equipamentos além do necessário.

Ainda cabe recurso para a decisão, mas a Fast ainda não decidiu se vai exercer este seu direito. Apesar de diversas suspeitas de irregularidade, esta é a primeira vez que uma conta do Pan foi rejeitada.

Leia tudo sobre: pan-americano

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG