Michael Phelps visita o Alemão e planeja voltar ao Rio em 2016

Ex-nadador americano, dono de 22 medalhas olímpicas na carreira, nadou com crianças sob forte calor e avisou que quer voltar à cidade em 2016, para assistir as Olimpíadas

O Dia * |

Uma semana após a passagem do jamaicano Usain Bolt, foi a vez de outro astro do esporte visitar o Rio: o americano Michael Phelps. Já aposentado das piscinas, o maior medalhista da história das Olimpíadas esteve hoje pela manhã na Vila Olímpica do Complexo do Alemão, onde nadou com as crianças sob um forte calor e avisou que quer voltar à cidade para os Jogos de 2016, mas agora somente para assistir à competição, provavelmente ao lado da mãe.

Deixe o seu recado e comente esta notícia com outros torcedores

O evento foi marcado pela ausência do prefeito Eduardo Paes e do governador Sérgio Cabral, que haviam sido anunciados inicialmente na programação, mas não compareceram.

Veja fotos da visita de Michael Phelps ao Rio de Janeiro:


O ex-nadador, que chegou ao Alemão às 10h, esperou por cerca de 40 minutos em uma van até ser recepcionado pela secretária de Esporte e Lazer, Márcia Lins. A assessoria do governador explicou que ele tinha uma reunião fechada que acabou atrasando e enviou Márcia Lins para representá-lo.

Leia mais: Michael Phelps visita Vila Olímpica no Complexo do Alemão, no Rio de Janeiro

De calça jeans e blusa polo, Phelps sofreu com o forte calor, mas logo ficou de sunga e caiu na água com as crianças, que ganharam medalhas. “É a última vez que uso essa touca. Vou guardá-la como uma relíquia”, contou Larissa Borges, de 11 anos, que teve a touca autografada pelo campeão.

Confira ainda: Musa das piscinas, Laure Manaudou anuncia nova aposentadoria

Phelps destacou a importância de acreditar nos sonhos. “Muita gente me pergunta como cheguei até aqui. Cheguei graças ao meu sonho”, afirmou, avisando que quer estar no Rio em 2016. “Espero estar aqui, não como competidor, mas assistindo. A não ser que eu vire um profissional de golfe nos próximos três anos, o que acho bem pouco provável”, brincou, contando que, no golfe, a vontade de ganhar é a mesma: “Quero vencer meus amigos”.

O ex-nadador contou ter relaxado ao observar a Praia de Ipanema da sacada do hotel: “Vi todo mundo na praia por duas horas, correndo, jogando bola, se exercitando, andando de bicicleta, de skate”.

O americano ainda destacou a chance de incentivar jovens no esporte: “Estar no meio das crianças é um momento mais especial do que muitos outros da minha rotina. O idioma traz um pouco de dificuldade, mas você vê a expressão no rosto delas”.

*Por Ana Carla Gomes

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: michael phelpsrio 2016londres 2012nataçãothiago pereira

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG