Publicidade
Publicidade - Super banner
Mais Esportes
enhanced by Google

Cesar Cielo vai tratar lesão no joelho e está fora do Mundial de piscina curta

Primeira informação dada pelo seu empresário, David Arluck, em entrevista a um site norte-americano especializado em natação, falava em cirurgia. Depois, houve a correção

iG São Paulo | - Atualizada às

Medalha de bronze nos 50 m livres dos Jogos Olímpicos de Londres 2012 , o nadador brasileiro César Cielo está fora do Mundial de piscina curta, que está programado para o mês de dezembro, em Istambul, na Turquia. Ele terá que tratar uma lesão no joelho e não vai disputar a competição.

E MAIS:  Cielo e Thiago Pereira curtem balada depois do Troféu José Finkel

David Arluck, empresário de Cielo, deu uma entrevista ao site americano especializado "Swim Swan", e numa primeira versão, ele confirmava que o nadador passaria por uma cirurgia no joelho. Horas depois, a versão foi mudada, dizendo que o nadador brasileiro fará um tratamento no local. 

"Cielo decidiu intensificar o tratamento que vem fazendo no joelho e não vai participar do Mundial de piscina curta. O momento da reabilitação foi traçado para que ele tenha o melhor desempenho no Mundial de Barcelona", contou o agente. O Mundial citado por Arluck é o de piscina longa, que vai acontecer somente no ano que vem, na Espanha.

Deixe seu recado e comente a notícia com outros torcedores

AFP
Cielo vai operar o joelho e não disputa o Mundial de piscina curta


Em nota oficial enviada pela sua assessoria de imprensa, o nadador disse que optou por aproveitar os últimos meses do ano para intensificar tratamento médico e de fisioterapia da tendinopatia que tem nos dois joelhos, fruto do acúmulo dos esforços feitos nos treinamentos que o esporte de alto nível exige.

Acompanhe o blog Espírito Olímpico

"Competição sempre envolve muita adrenalina, duelos pessoais que você não quer perder... Essa decisão de não ir ao Mundial foi tomada pensando na longevidade mesmo da minha carreira, na medalha olímpica que eu ainda desejo ganhar nos 50 m livre no Rio, em 2016, nadando em casa. Essa lesão está começando a me limitar, me atrapalhando nos treinamentos. O ciclo olímpico que começa agora visa a 2016, mas no ano que vem quero estar bem para o Maria Lenk, em abril, e o Mundial de Barcelona, em julho", disse Cielo.

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG