O judoca dará lugar a Hugo Pessanha e a atleta será substituída por Andressa Fernandes

O judô brasileiro sofreu duas baixas para os Jogos Militares, que terão início oficial neste sábado. Tiago Camilo e Érika Miranda confirmaram a ausência por estarem contundidos.

Com uma lesão no joelho, Érika (da categoria até 52kg) será substituída por Andressa Fernandes. Já Tiago Camilo (até 90kg), assolado por um problema no tornozelo, dará lugar a Hugo Pessanha. As disputas nos tatames cariocas começarão na segunda-feira.

O coronel Ricardo Calixto, chefe de delegação brasileira da modalidade, lamentou os cortes, porém confia nos atletas que substituirão os lesionados. "Qualquer atleta deste grupo faz falta para a seleção militar. Por conta de um trabalho bem feito, temos boas peças de reposição. Acredito que as entradas do Hugo Pessanha e da Andressa Fernandes manterão a equipe no mesmo nível", explicou.

Camilo, medalhista olímpico e campeão mundial, também externou a frustração de não poder defender a pátria. O judoca se alistou exclusivamente para participar do evento.

"É muito difícil ter que ficar de fora de uma competição deste nível. Sempre quis lutar nos Jogos Militares, ainda mais no Brasil. Entrei no Exército para isso, além do que competir no Brasil é sempre um orgulho muito grande. É um momento triste, mas é uma hora de pensar na minha recuperação e em estar bem para o restante da temporada", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.