Becca Longo tem apenas 18 anos de idade e já atua em um time de futebol americano de uma universidade

Becca Longo pode ser a primeira mulher a jogar na NFL
Twitter/Reprodução
Becca Longo pode ser a primeira mulher a jogar na NFL

Você provavelmente ainda não ouvir falar em  Becca Longo , mas ela está prestes a fazer história no mundo do esporte. Atualmente com 18 anos de idade, a jovem norte-americana pode se transformar na primeira mulher a jogar entre os homens na NFL, a liga profissional de futebol americano nos Estados Unidos.

Leia também: Lutar MMA usando apenas lingerie? Elas fazem isso! Confira as imagens

Becca Longo pode ser a primeira mulher a jogar na NFL
Instagram
Becca Longo pode ser a primeira mulher a jogar na NFL

Mas isso é possível? Sim! Becca ganhou uma bolsa de estudos para atuar no time masculino da Adams State University, no estado do Colorado, e pode ser draftada por uma franquia da NFL dependendo do seu desempenho nos campeonatos universitários.

Leia também: Bandeirinha vetada no BBB atrai olhares de atletas: "Não me acho sexy"

Becca Longo pode ser a primeira mulher a jogar na NFL
Arquivo pessoal
Becca Longo pode ser a primeira mulher a jogar na NFL

Ela é "kicker" (ou "chutadora"), posição cuja responsabilidade é chutar os field goals, extra points e fazer os kickoffs. "Para mim, não há dúvida de que ela pode ser competitiva, mesmo entre os homens. Ela tem uma perna forte e tem um chute muito preciso", disse Timm Rosenbach, treinador da moça.

‼️

Uma publicação compartilhada por Becca Longo (@beccalongo5) em

Em entrevista ao "Bleacher Report", a jogadora pediu uma chance. "Ouvi pessoas dizendo que eu estava querendo apenas fazer marketing pessoal, que eu não merecia essa chance. Mas eu não me importo com isso. Só preciso acreditar em mim mesma e fazer o que aprendi para conseguir ter sucesso", comentou Becca.

Veja a foto: Elas foram campeãs e comemoraram peladonas no vestiário

"I know what I bring to the table so trust me when I say I'm not scared to eat alone."

Uma publicação compartilhada por Becca Longo (@beccalongo5) em

E ela tem plano B

A jovem tem o sonho de fazer parte de um time da NFL nos próximos anos. Mas e se ela não conseguir? Se o futebol americano não funcionar, Becca Longo pode tentar a sorte na WNBA , a liga feminina de basquete no país, já que ela também faz parte do time de basquete da Adams College.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.