Além de premiar os dois, a entidade distribuiu premiões em 47 modalidades olímpicas e pan-americanas

Fabiana Murer levou o prêmio Brasil Olímpico pela segunda vez
AE
Fabiana Murer levou o prêmio Brasil Olímpico pela segunda vez
O COB (Comitê Olímpico Brasileiro) elegeu na noite desta segunda-feira os melhores atletas brasileiros do ano de 2011. Além de premiar cada uma das 47 modalidades olímpicas e pan-americanas, a entidade escolheu Fabiana Murer como destaque entre as mulheres e Cesar Cielo entre os homens.

Veja também: Relembre tudo o que aconteceu nos Jogos Pan-Americanos 2011

No feminino, Murer , vencedora também 2010, que se sagrou campeã mundial do salto com vara este ano, acabou superando Maurren Maggi, campeã no Pan de Guadalajara , e Fabiana Beltrame, medalha de ouro no remo.

AE
Cesar Cielo confirmou o favoritimo e ganhou o prêmio do COB novamente
Já no masculino, Cielo , ganhador da premiação em 2008 e 2009, coroou a sua volta por cima após ser pego no antidoping antes do Mundial de Xangai, na China, no qual foi medalha de ouro nos 50m livre e nos borboleta. Ele deixou para trás Emanuel, do vôlei de praia, e Diego Hypolito, da ginástica artística.

Confira ainda: Murer nega clima de revanche caso encontre algoz do Pan em Londres

A escolha e a definição dos três indicados em cada categoria, masculina e feminina, para concorrer ao Troféu Melhor Atleta do Ano foi realizada por um júri composto por jornalistas, dirigentes, ex-atletas e personalidades do esporte.

Este mesmo júri apontou os vencedores a melhor do ano no geral. Esses votos tiveram 50% na eleição final, após computados os votos dos internautas.

O evento ainda celebrou os melhores técnicos da temporada. Nos esportes coletivos, o vencedor foi Ruben Magnano, comandante do basquete brasileiro na conquista da vaga olímpica , enquanto nos individuais a vencedor foi Rosicléia Campos, líder da equipe de judô na melhor performance da história em Mundiais .

Outra homenagem da noite foi o Troféu Adhemar Ferreira da Silva, que premia desportistas que se destaquem por valores como eficiência técnica, esportividade, companheirismo, sentido de coletividade e respeito ao próximo, entre outros. O homenageado foi Bernard Rajzman, ex-jogador de vôlei e que será chefe da delegação brasileira nas Olímpiadas de Londres.

Confira abaixo os premiados em cada modalidade:

Atletismo - Fabiana Murer
Badminton - Daniel Paiola
Basquete - Marcelo Huertas
Boliche - Marcelo Suartz
Boxe - Everton Lopes
Canoagem slalom - Cássio Petry
Canoagem velocidade - Nivalter Santos
Ciclismo BMX - Renato Rezende vCiclismo estrada - Murilo Fischer
Ciclismo mountain bike - Rubens Valeriano
Ciclismo pista - Sumaia Ribeiro
Desportos na neve - Mirlene Picin
Desportos no gelo - Luiz Fernando Manella
Esgrima - Guilherme Toldo
Esqui aquático - Marcelo Giardi
Futebol - Neymar Santos
Ginástica artística - Diego Hypólito
Ginástica de trampolim - Giovanna Matheus
Ginástica rítmica - Angélica Kvieczynski
Handebol - Chana Masson
Hipismo - adestramento - Luiza Almeida
Hipismo - CCE - Serguei Fofanoff
Hipismo - saltos - Bernardo Alves
Hóquei sobre grama - Thalita Cabral
Judô - Leandro Guilheiro
Karatê - Lucélia Brose
Levantamento de peso - Fernando Reis
Lutas - Aline Ferreira
Maratona aquática - Poliana Okimoto
Natação - Cesar Cielo
Natação sincronizada - Nayara Figueira
Patinação artística - Marcel Stürmer
Pentatlo moderno - Yane Marques
Polo aquático - Marina Canetti
Remo - Fabiana Beltrame
Rugby 7 - Diego Lopez
Saltos ornamentais - Cesar Castro
Squash - Thaisa Serafini
Taekwondo - Marcio Ferreira
Tênis - Rogério Dutra
Tênis de mesa - Hugo Hoyama
Tiro com arco - Ana Marcelle dos Santos
Tiro esportivo - Ana Luiza Ferrão
Triatlo - Reinaldo Colucci
Vela - Robert Scheidt / Bruno Prada
Vôlei de praia - Emanuel Rêgo
Vôlei - Murilo Endres

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.