Delegação nacional tem tido atletas com presença constante nos pódios das provas de natação

selo

Como previsto, a natação tem rendido muitas medalhas para o Brasil nos Jogos Mundiais Militares. Diogo Yabe conquistou na tarde desta segunda-feira a quinta medalha de ouro do País na modalidade, na prova dos 400 m medley, com o tempo de 4min22s50. Em segundo lugar ficou o grego Georgios Aryblias, com 4min22s87, e Lucas Salatta, também do Brasil, fechou com 4min26s69 e ficou com o bronze.

Mais um ouro - o sexto - foi contabilizado com a vitória de Gabriel Mangabeira, nos 50 m borboleta, com o tempo de 24s04, e Henrique Martins garantiu a prata para o País com 24s14. O pódio foi completado pelo italiano Tommaso Romani.

Outras duas medalhas foram conquistadas nos 50 m peito. Tatiane Sakemi, no feminino, e Raphael Rodrigues levaram o bronze. Fabíola Molina somou mais uma medalha, a prata nos 50 m borboleta feminino.

Nesta segunda começaram as provas de judô e a força dos atletas "alugados" também se fez presente. O Brasil conquistou o ouro por equipes tanto no feminino quanto no masculino, chegando a oito na competição, mesmo número da China, que lidera no total de medalhas - 20 a 17.

No basquete, a equipe masculina brasileira se recuperou da derrota na estreia para a Lituânia com uma vitória apertada sobre a Itália. Depois de liderar os dois primeiros quartos, o Brasil permitiu a virada no terceiro, mas soube lidar com os erros e fechou o jogo em 73 a 64, subindo para terceiro lugar no Grupo B.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.