Tamanho do texto

Everton Lopes venceu duas primeiras lutas, válidas pela seletiva de Cumana, e carimbou seu passaporte

O boxe brasileiro assegurou, nesta segunda-feira, uma vaga no Pan-americano de Guadalajara, no México. Everton Lopes (64kg) venceu suas duas primeiras lutas, válidas pela seletiva de Cumana (Venezuela), e carimbou seu passaporte para a competição mexicana, que será realizada em outubro deste ano.

Na terça-feira, mais dois pugilistas nacionais tentarão trilhar o mesmo caminho. São eles: Yamaguchi Falcão (até 81 kg) e Myke Carvalho (até 69kg). Por outro lado, três verde-amarelos já deram adeus à disputa do Pan: Julião Neto (até 52kg), Robenílson de Jesus (até 56kg) e Esquiva Falcão (até 75kg).

Nas mulheres, duas brasileiras ainda têm chances. Adriana Araújo enfrentará, na semifinal, a norte-americana Quanitta Underwood; e Roseli Feitosa terá pela frente a local Francelis Carmona.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.