Tamanho do texto

Porto-riquenho encontrou dificuldades, mas venceu Mayorga por nocaute técnico no último assalto da luta

Amplo favorito nas bolsas de apostas, Miguel Cotto encontrou dificuldades, na madrugada deste domingo (13), diante do azarão Ricardo Mayorga, mas após 12 assaltos de luta o porto-riquenho conseguiu conectar um potente direto de direita, durante uma troca de golpes, e levar adversário a knockdown. Ao se leventar, Mayorga, sentiu uma contusão no dedo da mão direita e não teve condições de continuar no combate, sendo decretado o nocaute técnico.

“Agora quero a revanche contra (Antonio) Margarito. Depois pensaremos em Manny Pacquiao ou qualquer outro”, disse Cotto, fazendo referencia aos dois adversários que o venceram em sua carreira de pugilista profissional.

Com o triunfo, Cotto defendeu com sucesso o cinturão da Associação Mundial de Boxe (AMB) na divisão de pesos médio-ligeiros (até 69kg). Esta foi a vitória de número 36 do porto-riquenho, que também tem duas derrotas.

Já o nicaraguense Ricardo Mayorga, de 38 anos, que irá pendurar as luvas após seu oitavo revés em 30 lutas.

“Para ser honesto, sou homem e tenho que reconhecer a verdade da vida. Cotto é muito duro”, disse Mayorga após o confronto.

Miguel Cotto castiga a linha de cintura de seu adversário durante o combate
AE
Miguel Cotto castiga a linha de cintura de seu adversário durante o combate

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.