Publicidade
Publicidade - Super banner
Mais Esportes
enhanced by Google
 

Boxeador de 16 anos que sonhava com Rio-2016 é assassinado

Em 2010, Tairone foi campeão brasileiro de cadetes (15 a 16 anos) e ganhou o título de melhor do campeonato

Gazeta Esportiva |

O jovem Tairone Silva, 16 anos, foi assassinado durante uma discussão com um policial em Osório, região metropolitana de Porto Alegre, na tarde da última sexta-feira. Em seu site oficial, a Confederação Brasileira de Boxe (CBBoxe) lamentou a morte do promissor pugilista, que sonhava disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro-2016.

"O Brasil perde mais que um atleta de futuro que tinha o sonho de se tornar um grande boxeador e participar dos Jogos Olímpicos de 2016. Deixa a saudade de um grande companheiro dos colegas do esporte e a imagem de correção e educação dentro e fora do boxe", diz a nota publicada pela entidade.

De acordo com a CBBoxe, Tairone Silva foi assassinado no momento em que se dirigia à casa da mãe. O suspeito de disparar os dois tiros contra o boxeador é um policial militar. Ele já foi detido, mas, por enquanto, ele não teve seu nome divulgado pelas autoridades.

Em 2010, Tairone foi campeão brasileiro de cadetes (15 a 16 anos) e ganhou o título de melhor do campeonato, independente da categoria de peso. Já em fevereiro de 2011, conquistou o título na modalidade até 75 kg do Campeonato Internacional de Boxeo Verano de Iquique-CHI.

Leia tudo sobre: lutasboxe

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG