Boxeador volta aos ringues após admitir ser homossexual

Orlando Cruz já tem 21 lutas na carreira, com 18 vitórias, duas derrotas e um empate

EFE |

EFE

O boxeador porto-riquenho Orlando Cruz voltará nesta sexta-feira aos ringues, duas semanas após ter anunciado publicamente sua homossexualidade, fato que causou muita polêmica. Cruz, apelidado de 'Fenômeno', defenderá contra o mexicano Jorge Pazos o título latino dos pesos pena (57 kg) da Organização Mundial de Boxe. A luta será realizada no Civic Center de Kissimmee, na Flórida.

E MAIS: Campeão olímpico de boxe leva surra em apenas 82 segundos e deve se aposentar

Divulgação
Orlando Cruz, boxeador de Porto Rico

O pugilista porto-riquenho venceu 18 combates, perdeu dois e empatou um, enquanto Pazos tem 20 vitórias e quatro derrotas em sua carreira. Orlando Cruz, que representou Porto Rico nos Jogos Olímpicos de Sydney, em 2000, admitiu seu homossexualismo no dia 3 de outubro.

Deixe seu recado e comente a notícia

"Sempre fui e seguirei sendo um orgulhoso porto-riquenho. Sempre fui e seguirei sendo um homem gay e orgulhoso. Não quero esconder nenhuma das minhas identidades. Quero que as pessoas me vejam pelo ser humano que sou", afirmou Cruz por meio de um comunicado.

O atleta, que no texto agradeceu sua família, especialmente sua mãe, afirmou que deseja que o povo continue assistindo suas lutas por conta de suas "aventuras no boxe, personalidade e sua conduta esportiva".

"Quero agradecer meus amigos pelo amor e pelo apoio. E quero também agradecer a minha equipe por acreditar em mim e me apoiar sempre, não apenas nessa decisão, mas também em toda minha carreira", finalizou o porto-riquenho. 

    Para receber as notícias de Esportes envie igesportes para 49810 . 10 dias sem custos * * Após este período, custo de R$ 0,31 + imp. por mensagem recebida.
    Leia tudo sobre: Orlando CruzBoxe

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG