Bicampeão olímpico é detido nos EUA por suspeita de ser terrorista

Britânico Mo Farah teve dificuldades para entrar no país, onde foi passar o Natal com familiares

iG São Paulo | - Atualizada às

Nem a glória olímpica facilita a vida do corredor britânico Mo Farah. Medalha de ouro nos 5 e 10 mil metros nos Jogos Olímpicos de Londres , ele foi detido ao tentar desembarcar nos Estados Unidos para passar o Natal com sua família. A suspeita dos oficiais da imigração norte-americana era de que Farah fosse um terrorista.

Getty Images
Mo Farah foi um dos maiores destaques das Olimpíadas de Londres, vencendo nos 5 e 10 mil metros

Nascido na Somália e naturalizado britânico ainda quando criança, Mo Farah adotou os EUA como seu local de treinamento desde 2011, mas mesmo assim enfrenta com frequência problemas desse tipo para entrar no país. Dessa vez, nem mostrar suas medalhas ajudou.

"Eu não conseguia acreditar. Por causa da minha origem somali, eu sou detido na imigração todas as vezes que chego nos Estados Unidos. Dessa vez eu até tinha minhas medalhas para mostrar quem eu sou, mas eles acharamq que não era prova suficiente}, afirmou ao jornal The Sun . A liberação só veio depois de negociação feita pelo treinador do atleta, Alberto Salazar.

    Leia tudo sobre: atletismomo farahterrorismo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG