Publicidade
Publicidade - Super banner
Mais Esportes
enhanced by Google
 

Alpinistas são encontrados mortos após uma semana no Mont Blanc

Presos a uma altura de 4 mil metros, Olivier Sourzac e Charlotte Demetz não resistem ao mau tempo e são resgatados sem vida

iG São Paulo |

AFP
Equipe de resgate carrega corpo de um dos alpinistas
Iniciada na última semana, a escalada de dois alpinistas franceses ao Mont Blanc, localizado entre a Itália e a França, teve um final trágico. Olivier Sourzac, de 47 anos, e Charlotte Demetz, 44, foram encontrados mortos pela equipe de resgate, nesta quarta-feira.

Os dois pediram socorro na última quinta, quando o mau tempo os impediu de seguirem em frente e os obrigou a ficarem abrigados em um buraco de neve. Eles estavam a uma altura de 4 mil metros acima do nível do mar, com a temperatura chegando aos 25 graus negativos.

As condições climáticas desfavoráveis frustraram as tentativas anteriores de resgate aos alpinistas. Um helicóptero com um médico especialista em tratamento intensivo e dois guias de montanhas à bordo só conseguiu levantar voo e chegar aonde estava a dupla na manhã desta quarta.

Leia também: Processo administrativo investiga morte de jogador norte-americano

Por volta das 12h20 locais (9h20 de Brasília), a equipe de resgate finalmente identificou os corpos dos escaladores entre as rochas. A passagem do helicóptero não fez com que nenhum dos dois se mexesse. Naquele momento, não se sabia ao certo se eles já estavam mortos ou se estavam apenas inconscientes.

A confirmação do falecimento veio poucos minutos depois, quando os corpos foram resgatados. Eles estavam exatamente no mesmo ponto de onde estabeleceram o último contato telefônico com a equipe, na última sexta. Segundo os especialistas à bordo, é provável que o frio e fome tenha causado a morte.

Leia tudo sobre: alpinistasmont blanc

Notícias Relacionadas


Mais destaques

Destaques da home iG