De acordo com o presidente da Fifa, entidade realizou estudo e faixa etária pode ser considerada limite discriminatório

Reuters

O presidente da Fifa, Joseph Blatter, quer que o Comitê Olímpico Internacional (COI) revogue o limite de idade para os seus membros, argumentando que eles devem ser excluídos apenas se estiverem incapacitados de cumprirem seus deveres.

Blatter disse que a Fifa realizou um estudo sobre isso e concluiu que o limite etário pode ser discriminatório, e que o COI também deveria aboli-lo. "O que precisa mudar pode ser feito de forma democrática",disse Blatter, de 77 anos, na sessão de quinta-feira do COI em Sochi.

Mudanças adotadas na década passada estipulam que membros do COI admitidos a partir de 1999 devem deixar seus cargos ao completarem 70 anos. Para os que já estavam antes disso, o limite ficou estipulado em 80.

Blatter foi eleito presidente da Fifa em 1998, e como tal se tornou automaticamente membro do Comitê Olímpico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.